MotoGP in the Media

CNN fala do fim‑de‑semana especial de Rossi em Mugello e dos 300 GPs

Sábado, 31 Maio 2014

Jonathan Hawkins, da CNN, fez uma reportagem especial sobre o marca da carreira de Valentino Rossi, que atinge este fim‑de‑semana os 300 Grandes Prémios, precisamente no fim‑de‑semana em que o Campeonato do Mundo de MotoGP™ visita o magnífico traçado de Mugello.
 
Hawkins escreve: “No domingo, um dos grandes filhos de Itália, Valentino Rossi, assinala um marco especial; ‘The Doctor’, como é conhecido vai levar a cabo a 300ª corrida no MotoGP. E que palco tão especial para um dia tão especial. Envolvido pelos montes da Toscana, Mugello, circuito propriedade da Ferrari, é, por ventura, o mais bonito do MotoGP.”
 
Hawkins cita mesmo o antigo piloto de MotoGP™ e Campeão do Mundo de Superbikes James Toseland: “Chegamos aos 340 km/h na recta da meta de Mugello e rodar pelo vale a essa velocidade é incrível. Todos os pilotos gostam muito do evento. O apoio, o campismo, o cenário, é como um mini-festival.”

Sportweek foca-se no homem da frente da Moto3™, Fenati

Sexta, 30 Maio 2014

A revista italiana Sportweek dedicou quatro páginas ao talento italiano da Moto3™ Romano Fenati. A publicação revelou alguns segredos dos jovem de 18 anos, pupilo de Valentino Rossi na SKY VR46 Racing Team. Fenati admite que é muito supersticioso e que segue sempre um ritual durante o fim‑de‑semana.
 
“Ainda estamos no início da época e temos de nos manter concentrados,” disse sobre as possibilidades de chegar ao ceptro. “Vamos dar tudo para atingirmos o objectivo, a KTM é uma boa moto.”
 
Fenati também confessou que sentiu muita pressão quando ouviu – no ano passado em Indianápolis – que Rossi estava a pensar nele para o projecto de Moto3. Ele também recordou o que o nove vezes Campeão do Mundo lhe disse após a corrida: “És uma monstro!”

MCN: "Honda quer Jonathan Rea no MotoGP™"

Sexta, 23 Maio 2014

A Honda está a fazer tudo para ter um lugar na grelha de 2015 do MotoGP™ para Jonathan Rea, relata a Motorcycle News (MCN). Depois de ter substituído brevemente o lesionado Casey Stoner em 2012, o irlandês lidera neste momento o Campeonato do Mundo de Superbikes após impressionante dupla vitória na última jornada em Imola.
 
“Ele está a fazer um grande trabalho e pessoalmente gostava muito de o ver no MotoGP™,” disse Livio Suppo, Director de Equipa da Repsol Honda, à MCN.
 
“Há muito tempo que ele é piloto de fábrica da Honda e gostamos muito dele, pelo que espero que possamos construir algo para ele. As duas corridas que fez no lugar do Casey não foram nada fáceis; ele esteve sempre a trocar entre o MotoGP™ e as Superbikes, pelo que pilotou motos diferentes com pneus diferentes todas as semanas e fez um bom trabalho. Seria bom vê-lo no MotoGP.”
 
Suppo afirmou então que a melhor possibilidade de Rea seria uma RCV1000R, tal como a usada pelos pilotos da Drive M7 Aspar, Nicky Hayden e Hiroshi Aoyama, por Scott Redding, da GO&FUN Honda Gresini, e por Karel Abraham, da Cardion AB Motoracing.

MCN: Pedrosa quer renovar com a Honda

Quinta, 22 Maio 2014

Com a Repsol Honda Team a ter renovado o acordo com Marc Márquez, mantendo os serviços do jovem piloto até ao final de 2016, o segundo lugar na formação oficial da Honda está a chamar muito à atenção dado que o actual contrato de Dani Pedrosa termina no final da presente época. Ligado a uma mudança para a Suzuki, o espanhol – que rodar pela Repsol Honda desde que se estreou na categoria rainha em 2006 – disse que quer continuar onde está.
 
Em declarações à MCN Pedrosa explicou: “A minha primeira escolha é ficar com a Honda. Estou com eles há muito tempo e é com eles que vou falar primeiro. Mas temos sempre de manter uma possibilidade em aberto. Estou muito contente por saber do interesse da Suzuki, mas as minhas primeiras conversas têm de ser com a Honda.”

Jovem francês Fabio Quartararo no L'Équipe

Sábado, 17 Maio 2014

O jornal gaulês L'Équipe fez uma reportagem de fundo sobre o jovem aspirante francês Fabio Quartararo, o Campeão em título do FIM CEV Repsol, que está de regresso a casa neste fim‑de‑semana, em Le Mans, para a primeira jornada da competição fora de Espanha. O jovem de 15 anos está a seguir os passos de Marc Márquez enquanto protegido de Emílio Alazmora e espera-se que se estreie nos Grandes Prémios na próxima época, quando atingir a idade mínima para competir no Campeonato do Mundo de Moto3™.

Speedweek: Kalex poderá entrar no MotoGP com motor Yamaha

Terça, 13 Maio 2014

O publicação germânica speedweek.com afirma que Alex Baumgärtel, da Kalex, confirmou estar em conversações com a Marc VDS Racing Team e com a Pons team – ambas formações da frente da Moto2™ – sobre possível colaboração de chassis com vista à entrada no MotoGP™ em 2015. Ambas as equipas mostraram interesses em passar para a categoria rainha e podem fazê-lo com a Yamaha a alugar motores. Baumgärtel terá comentado que a companhia necessitaria de pelo menos seis meses para preparar um chassis assim que receber os dados necessários da Yamaha. Contudo, com nada ainda confirmado, o tempo continua a contar no que toca a ter a eventual moto pronta a tempo do teste de pós-época de Valência.

MCN e a possível passagem de Dovizioso para a Suzuki

Quinta, 08 Maio 2014

A “silly season” do MotoGP™ parece ter começado mais cedo que nunca, e agora os rumores apontam para uma troca de Andrea Dovizioso da Ducati para a Suzuki em 2015. Isto surgiu na quinta-feira na Motorcycle News (MCN).
 
A MCN relata a existência de “conversas” entre Simone Battistella, manager de Dovizioso, e a direcção da Suzuki já tiveram lugar com Battistella a afirmar:
 
“Falámos para compreender a abordagem deles e o que estão a fazer, mas isso é algo que se faz com toda a gente. Penso que a Suzuki tem de compreender que pilotos quer. Do nosso lado não aconteceu nada com a Suzuki, ou com quem seja, nem mesmo com a Ducati.” Ele acrescentou: “A Suzuki foi sempre uma opção muito forte.”

Carmelo Ezpeleta fala do MotoGP™ com a Motorcycle Racer

Terça, 06 Maio 2014

O número ideal de pilotos no MotoGP™ é de 22 e o espectáculo será melhor se os custos forem reduzidos – mas sem ter de convencer ninguém, de acordo com Carmelo Ezpeleta, que fala com a revista Motorcycle Racer.
 
“(O objectivo) não é atrair mais equipas,” explica o CEP da Dorna Sport, detentor dos direitos comerciais do Campeonato do Mundo desde1992. “Temos equipas que cheguem. Temos 23 pilotos e o nosso número ideal são 22 porque dá valor aos participantes. O que espero é ter esses 22 pilotos, mas com mais construtores. Isso é muito importante: a consolidação das actuais equipas em termos económicos. Penso que, se os custos forem reduzidos, o espectáculo será melhor e o campeonato será uma possibilidade para equipas privadas.”
 
Em relação a “convencer” as equipas a seguirem as regras Open a partir de 2016, disse: “Não vou tentar convencer ninguém! Se tentamos convencer alguém a fazer algo, então mais tarde termos problemas. A única forma de as convencer é não as convencendo – apenas apresentar um conjunto de regras que lhe torne interessante e possível competir no MotoGP.”

Pol Espargaró sublinha paixão pelo MotoGP™ em entrevista à Bike India

Segunda, 05 Maio 2014

O interesse indiano pelas corridas foi sublinhado por Aspi Bhathena, da Bike India, numa entrevista com o estreante de MotoGP™ da Monster Yamaha Tech3, Pol Espargaró, que fala da passagem da Moto2™ para a categoria rainha.
 
Bhathena e o Campeão do Mundo da categoria intermédia falaram de vários temas, com Espargaró a descrever as maiores diferenças entre rodar com uma máquina de Moto2 e uma de MotoGP.
 
Espargaró disse à Bike India: “O sistema de electrónica, o controlo de tracção e anti-cavalinho. Na verdade há muitas diferenças. Temos de compreender isso e a forma de o conseguir é dando voltas. Cometer erros e compreender o que a moto faz quando se está em momentos críticos. Penso que o mais difícil são a electrónica e travões. Os discos de carbono são fantásticos, podemos travar com uma potência incrível.”

CNN - Argentina pronta para invasão do MotoGP™

Sexta, 25 Abril 2014

O reporter da CNN Jonathan Hawkins, que acompanha regularmente o MotoGP™, anteviu o Grande Prémio Red Bull da República da Argentina – que marca o regresso do Campeonato do Mundo à América do Sul neste fim‑de‑semana.
 
Hawkins escreve: “A última vez que os fãs argentinos ouviriam o som das motos de Grandes Prémios foi em 1999, quando o actual Campeão do Mundo Marc Márquez tinha apenas seis anos. Mesmo assim, o entusiasmo pelo desporto por estes lados é claro. Os espectadores vão viajar até ao circuito em Santiago del Estero, muitos de moto, e vindos de todo o país.”
 
“Fizeram um trabalho brilhante,” disse o CEO da Dorna Carmelo Ezpeleta à CNN. “Fomos muito bem recebidos desde o momento que começámos a negociar com eles.”

USA Today escreve sobre grande recorde de Márquez nos EUA

Segunda, 14 Abril 2014

O gigante americano da informação, USA Today, fez a cobertura do Red Bull Grande Prémio das Américas ao longo do fim‑de‑semana com o jornalista William M. Welch a sublinhar o brilhante recorde de Marc Márquez nos Estados Unidos.
 
Márquez venceu as três corridas disputadas no país no ano passado, estreando-se a vencer na categoria rainha no COTA antes de triunfar em Laguna Seca e Indianápolis, isto após dois triunfos de Moto2™ em Indy.
 
Como Welch relatou: “Márquez dilatou o total de vitórias nos EUA com um triunfo desde a pole na corrida de MotoGP de domingo depois dele e do colega de equipa Dani Pedrosa terem dominado o pelotão.” Welch citou também Márquez a dizer: “É um grande país para mim.”

Cycle World sobre a aventura de Herrin na Caterham Moto2™

Sábado, 12 Abril 2014

Coincidindo com o Red Bull Grande Prémio das Américas deste fim‑de‑semana, a cycleworld.com fez uma entrevista de fundo com o americano Josh Herrin, da AirAsia Caterham.
 
O jornalista Matthew Miles explica como o campeão da AMA Pro SuperBike está de olhos na glória na Moto2 e detalha a viagem de Herrin até aos Grandes Prémios depois de vários anos de sucesso nos Estados Unidos.
 
Na verdade, o artigo conta ainda com uma divertida citação de Herrin que está, como seria de esperar, impressionado com a sua nova equipa. O piloto disse: “A Caterham é como a fábrica de chocolates de Willy Wonka. Têm tudo aquilo em que se pode pensar, um túnel de vento, departamento de pintura, departamento de autocolantes. A única dois que não fazem para os seus F1 são parafusos.”

Marca: Mariñelarena comenta processo de recuperação

Quarta, 09 Abril 2014

O piloto de Moto2™, Alex Mariñelarena, falou com o desportivo espanhol Marca para actualizar o seu estado de saúde e as expectativas quanto ao regresso à competição, após o acidente grave e consequentes lesões graves contraídas num teste no circuito francês de Paul Ricard, em Fevereiro.
 
“É difícil estar nesta situação, mas quando se está temos de aceitar e seguir em frente,” disse o espanhol. “Agora a única coisa em que penso é em tentar recuperar fisicamente e estar na melhor condição possível para um dia voltar a andar de moto e a fazer aquilo aquilo para que estava a trabalhar, que é correr.”
 
O piloto da Tech3, que esteve em coma induzido durante seis dias após o acidente, explicou também que não se recorda da queda e não tem qualquer memória dos dois dias que antecederam o acidente. Enquanto isso, os médicos ainda não lhe deram qualquer data para o eventual regresso.

Speedweek: "Marc VDS considera estreia no MotoGP™ 2015"

Segunda, 31 Março 2014

A formação líder da Moto2™, a Marc VDS Racing Team, pode vir a dar o salto para a categoria rainha do MotoGP™ em 2015, isto de acordo com a publicação germânica Speedweek. Contudo, o Director Desportivo Michael Bartholemy insiste que a actual temporada é o principal objectivo de momento.
 
“Sim, vamos ver o que é possível,” confirma Bartholemy. “Também temos a ideia de expandir a equipa de Moto2™ a três pilotos para 2015. Mas depois estaremos a sacrificar a formação de Moto3™ com o Livio Loi. O Marc (van der Straten, fundador e patrão da equipa) que o melhor equipamento disponível, como é o caso na Moto2™. Se a Kalex for uma possibilidade, alinharemos com Kalex.”

Speedweek: Regulamentos dos filtros de ar da Moto2 são claros, dizem outras equipas

Quinta, 27 Março 2014

De acordo com a publicação alemã Speedweek.com, outras equipas do Moto2™ dizem que os regulamentos sobre filtros de ar são claros e que a IDEMITSU Honda Team Asia devia conhecê-los. A publicação alemã cita o chefe de equipa de Sandro Cortese, Jürgen Lingg, que diz que o filtro de ar foi distribuído pela IRTA no último teste de Jerez antes do Qatar - por isso, a equipa devia saber que não podia fazer alterações. O director de equipa da Interwetten-Paddock, Terrell Thien, refere que esta confusão não devia ter acontecido, sugerindo que as verificações sejam realizadas depois da qualificação para evitar eventuais desqualificações depois da corrida.

 

Mundo Deportivo: Márquez sobre possível ressentimento de Lorenzo

Quarta, 26 Março 2014

Marc Márquez admitiu que Jorge Lorenzo pode sentir algum ressentimento para com o Campeão do Mundo de MotoGP™, que lidera a classificação geral de 2014 após a vitória de domingo à noite no Grande Prémio do Qatar, em Losail.

“Se o Lorenzo sente algum inveja ou ressentimento para comigo em relação a 2013, não sei,” disse Márquez ao espanhol Mundo Deportivo na cerimónia dos Laureus Awards, na qual entre como favorito para conquistar o galardão World Breakthrough. “Mas imaginando-me no lugar dele, talvez sinta algum rancor para comigo.”

BSN – Construção do Circuito de Gales começa dentre de 8 a 10 semanas

Terça, 25 Março 2014

Vicky Turner da bikesportnews.com entrevistou Chris Herring, consultor da Heads of the Valleys Development Company, sobre o projecto do Circuito de Gales – com Herring a afirmar que os trabalhos de construção da nova pista começarão em breve.
 
Herring comenta: “Está tudo a seguir em frente e devemos começar as escavações no local dentro de oito a dez semanas.”
 
“Não é apenas uma nova pista,” acrescenta. “Serão instalações que vão ajudar a desenvolver jovens pilotos, com uma academia, e dar educação e desenvolver técnicos que podem trabalhar no desporto. Por isso, é mais que uma pista, vai oferecer oportunidades a muitas pessoas no Reino Unido também, em todas as formas do desporto motorizado.” 

CNN – drama e surpresas no subir do pano da nova época

Sexta, 21 Março 2014

O gigante internacional CNN anteviu a nova época do MotoGP™ com o jornalista  Jonathan Hawkins a comentar: “O Marc Márquez vai voltar a ser o homem a bater. O espanhol é o preferido dos correctores de apostas depois de se ter tornado no mais jovem campeão do mundo de sempre no ano passado. Contudo, preparação dele para a nova época não foi a ideal, com a fractura da perna no mês passado.”
 
Hawkins afirma também que Dani Pedrosa não se está a deixar afectar pelo azar do passado. Pedrosa é citado a dizer: “2014 é um novo ano e não estou a olhar para trás para nada – azares, lesões – isso faz tudo parte do passado e o que importa agora é este ano e esta época.”
 
Enquanto isso, o mesmo artigo apresenta ainda interessante citação do Director de Equipa da Repsol Honda, Livio Suppo, sobre o grande Valentino Rossi: “Ele está muito motivado e tenho muito respeito por isso.”

Marca: Yamaha inicia conversa de renovação com Lorenzo e Rossi em breve

Sexta, 21 Março 2014

De acordo com declarações de Lin Jarvis, Director da equipa de fábrica da Yamaha, ao desportivo espanhol Marca, o construtor nipónico que manter os serviços de Jorge Lorenzo e Valentino Rossi para lá desta época e vai iniciar em breve conversas para renovação dos contratos.
 
Após o recente anúncio de novo patrocinador principal, que resultou no novo nome Movistar Yamaha MotoGP, Jarvis disse: "Se possível, queremos manter os dois. Mas ainda é cedo na época e não começámos a falar com eles. Estás conversas vão ter lugar nos próximos meses, mas esse processo vai iniciar-se dentro de duas, ou três corridas."

KTM Blog: Miller e as "grandes" oportunidades

Quinta, 13 Março 2014

Depois de ter sido o mais rápido no teste de Moto3™ em Jerez na quarta-feira, Jack Mille tem bons motivos para estar confiante para este ano, como explica no Blog KTM. E não foi por falta de tentativas…
 
“Tenho tido a sorte de contar com o apoio dos meus pais, que pagaram muitas coisas,” explica Miller. “No ano passado tive sorte em ter uma moto aceitável que tinha bom comportamento também… começámos a correr em posições em que não devíamos estar e depois fiquei com a Red Bull Ajo KTM e tem sido muito bom desde então.”
 
“Fiz motocross e fui campeão da Austrália por quatro vezes… Fazia tudo por divertimento. Lesionei-me muito. Quando tinha 14 anos já tinha sofrido 27 fracturas!  Adoro motocross, mas só iria puxar demais e acabar de cabeça no chão.”

Publicidade