Holanda recebe MotoGP com Sol

Quarta, 22 Junho 2005

Holanda recebe MotoGP com Sol

O paddock do Campeonato do Mundo de MotoGP já está no circuito de Assen e a desfrutar de uma onda de calor que se está a fazer sentir na Holanda esta semana, deixando antever a pouco habitual chegada do Verão para a realização da sétima ronda do calendário neste país do Norte da Europa. Mais habituados a montar todo o equipamento sob chão molhado e muito vento, os elementos das equipas parecem ter trazido consigo o clima Mediterrânico a que se habituaram nas duas últimas jornadas em Itália e Espanha onde as temperaturas rondavam os 30º.

Um grupo de pilotos tirou o maior partido destas condições durante a tarde ontem, já que aproveitaram para dar um passeio pelos canais de Amesterdão numa das tradicionais barcas da cidade, vendo a paisagem de uma das mais coloridas capitais europeias. Nicky Hayden, Alex Hofmann e Marco Melandri, bem como o jovem da casa Raymond Schouten, que corre nas 125cc, foram os elementos presentes na excursão. Contudo, e de forma compreensível, todos eles deviam estar mais preocupados com a corrida deste fim-de-semana do que com os pormenores arquitectónicos da capital holandesa.

Para Melandri, em particular, o 75º aniversário do Gauloises TT Assen tem significado especial, já que o piloto espera melhorar o já de si positivo arranque de temporada que teve e espera estrear-se a vencer em MotoGP na pista holandesa, tal como fez nas 125cc em 1998. "Temos sido consistentes até agora, estamos sempre a crescer, por isso é chegada a altura de dar o próximo passo em frente", disse Melandri, que conta já com três pódios e três quartos lugares desde a abertura da época. "Sei que é um passo difícil e não quero apressar as coisas, mas sinto-me mais confortável que nunca. Espero que seja possível vencer neste fim-de-semana em Assen, uma das minhas pistas favoritas".

O maior desafio do italiano vai ser contrariar o impressionante conjunto de resultados do líder da competição Valentino Rossi, ele próprio um dos regulares no mais alto do pódio em Assen. O Campeão do Mundo fez a primeira visita a este traçado ainda nos braços do pai, Graziano, que venceu a corrida de 250cc em 1979. Desde então, Valentino já venceu em Assen nas categorias de 125cc, 250cc e MotoGP. Além disso, só neste ano conta já com cinco vitórias e um segundo lugar.

"Tinha apenas quarto meses quando o Graziano venceu aqui, por isso é um circuito especial para mim, mas creio que também o é para todos", referiu Rossi hoje. "É a pista mais antiga do Campeonato do Mundo, um circuito à moda antiga e é sempre um prazer correr aqui. Precisamos de ser bravos e correr a 100%, mas quando fazemos tudo certo é uma excelente sensação".

Um piloto que não vai sentir tais emoções este fim-de-semana é o estreante da Yamaha Toni Elias, que teve de ficar em casa, em Barcelona, para continuar a recuperação das fracturas no pulso e perna. O compatriota David Checa vai, uma vez mais, substituí-lo e logo na pista onde averbou a primeira vitória de sempre em Grandes Prémios, em 2001, na altura ainda nas 125cc. Mas enquanto alguns fãs poderão ficar tristes pela ausência de Elias, a verdade é que terão outros motivos de interesse. Makoto Tamada vai apresentar fato, capacete, botas e moto com desenho feito de propósito para esta prova e para promover o novo filme Batmen Begins, sendo todo o equipamento leiloado no próximo mês em Donington Park com o dinheiro a reverter para a Riders for Health, a instituição de caridade de MotoGP.

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™