Jovem piloto americano Stevie Bonsey a progredir

Terça, 27 Março 2007

Para o primeiro piloto americano na classe 125cc desde Jason di Salvo em 1999, competir contra mais de 30 agressivos europeus em frente a 130.000 apaixonados fãs de corridas em Jerez deve ter sido uma empolgante experiência.

Para o primeiro piloto americano na classe 125cc desde Jason di Salvo em 1999, competir contra mais de 30 agressivos europeus em frente a 130.000 apaixonados fãs de corridas em Jerez deve ter sido uma empolgante experiência.

Mas o jovem californiano Stevie Bonsey esteve longe de se deixar intimidar pela atmosfera intensa do Grande Prémio bwin.com de Espanha, ao acabar a corrida no 13º lugar conseguindo os seus primeiros pontos de sempre no Campeonato do Mundo.

Bonsey, que é também o primeiro americano a entrar numa época completa na classe 125cc desde Alan Scott nos anos 80, marcou posição face aos colegas de equipa Randy Krummenacher, 17º, e Tomoyoshi Koyama, que caiu a quatro voltas do fim com o pódio à vista.

Como o compatriota Nicky Hayden, Bonsey evoluiu nas provas de terra americanas antes de seguir as pisadas do actual Campeão do Mundo de MotoGP e mudar-se para as pistas. O maduro jovem de 17 anos, que sonha alcançar um dia o que Hayden conseguiu, teve sólido começo de época, ganhando experiência ao acabar em 22º no Qatar, antes de arriscar um pouco mais em Jerez para ganhar os primeiros pontos no Mundial.

Reflectindo acerca do bem-sucedido final de fim-de-semana do Grande Prémio de Espanha, o americano comentou: "Conseguir o primeiros pontos no final é óptimo, e acabar uma corrida à frente deste espantoso público é sensacional. Nas corridas de Dirt Track americanas não há tantas pessoas nas bancadas como há aqui numa curva!"

Explicando o progresso na corrida de 23 voltas, Bonsey revelou: "Perdi a minha joelheira esquerda logo depois da partida, o que foi um grande problema, uma vez que o meu ponto forte até então eram as curvas para a esquerda. Tentei apenas ser consistente. Sentia-me bem na moto e, à medida que a corrida se foi desenrolando, comecei a andar melhor nas curvas para a direita. Quando vi alguns pilotos a cair e me foi indicado pela boxe que estava na 19ª posição, pensei ser possivel pontuar e acelarei ainda mais."

Bonsey é apenas um de vários estreantes no Campeonato do mundo de 125cc em 2007 e é provável que encontre aguerrida competição pelo título de ‘Estreante do Ano' vinda, principalmente, de Pol Espargaró, que começou a época a ritmo alucinante.

O seu progresso até agora tem, no entanto, ido de encontro às pretensões do Director de Prova da Red Bull KTM Team, Harold Bartol, que simplesmente comentou depois de Jerez: " Tenho a certeza que ele nos vai dar muitas alegrias este ano – está cada vez melhor!"

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™