Gabor Talmacsi será único piloto da Scot Racing Team a partir de Laguna Seca

Quinta, 2 Julho 2009

Um comunicado ificial da equipa anuncia novos planos para o projecto de MotoGP e a partida de Yuki Takahashi.

A partir do Grande Prémio dos Estados Unidos a Scot Racing Team vai continuar na classe de MotoGP com o piloto húngaro Gabor Talmacsi. É com grande pena que a equipa anuncia – devido a circunstâncias inevitáveis – a não continuação de Yuki Takahashi no projecto.

A decisão foi tomada após exaustivas tentativas para se encontrar uma forma de continuar com dois pilotos, mas a realidade económica com que a equipa se depara devido ao custo acrescido de fazer correr dois pilotos, em conjunto com um problema de saúde do Yuki, levou a esta lamentável resolução.

Cirano Mularoni, patrão da Scot Racing Team, disse: “A equipa teria muitos novos custos para fazer alinhar dois pilotos e sem a possibilidade de melhorar os seus resultados com o Yuki, por causa de uma hérnia que tem nas costas, muito provavelmente provocada pelas suas recentes quedas. Por esse motivo, a equipa decidiu deixar de correr com o Yuki e esperar pela sua recuperação antes de tomar qualquer decisão em relação ao seu futuro.”

Shuhei Nakamoto, vice-Presidente da HRC disse: “Para a Honda, como para a Scot Racing Team, este é um anúncio triste e que queríamos evitar se fosse possível. Mas compreendemos os problemas da equipa no que toca ao aumentou de custos provocado por fazerem correr dois pilotos. O Takahashi era o único piloto japonês no campeonato de MotoGP e é claro que a Honda queria que ele continuasse. Mas a equipa deixou claro que este desfecho era impossível e respeitamos a decisão. A Honda vai continuar a apoiar a Scot Racing Team no MotoGP com o Gabor Talmacsi aos comandos da moto.”

Comunicado de imprensa cortesia da Scot Racing.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™