Trio do Mundial visita Parque de Vida Selvagem

motogp at maru wildlife park
Quinta, 15 Outubro 2009

Chris Vermeulen, Marco Simoncelli e Julián Simón visitaram o Maru Wildlife Park próximo do circuito de Phillip Island nesta quinta-feira.

O piloto da casa Chris Vermeulen apreciou a visita ao Maru Wildlife Park na quinta-feira, antes do Iveco Grande Prémio da Austrália, com o Campeão do Mundo de 250cc Marco Simoncelli e o líder das 125cc Julián Simón a conhecerem de perto a vida selvagem australiana ao lado do homem da Rizla Suzuki.

No parque próximo do circuito de Phillip Island os pilotos conheceram alguns animais nativos da Austrália, incluindo koalas, kanguros, dingoes, wombats, um Diabo da Tasmânia e um corcodilo.

“Os koalas são animais mesmo macios e é bom passar tempo com eles. É muito divertido brincar com eles e com os dingoes e todos os outros animais,” comentou o afável Vermeulen.

Antevendo o fim-de-semana o piloto da Rizla Suzuki disse: “É um grande circuito quando o tempo está bom e é o que tem a velocidade média mais alta de todos aqueles onde vamos ao longo da época. É rápido e fluído e muito pitoresco quando se faz a recta. É um local que origina sempre corridas muito disputadas. Fazendo figas, vamos ter uma prova disputada e vou poder lutar na frente.”

Simoncelli, da Metis Gilera, também gostou da visita ao parque e disse: “Diverti-me muito e gosto de animais. Aqui na Austrália há muitos animais diferentes e estranhos! Estou contente por estar aqui, amanhã vamos começar com os treinos, e gosto muito do circuito. Espero fazer uma boa corrida. É um circuito fantástico e o único de que gosto.”

Simón, da Bancaja Aspar 125cc, acrescentou: “Estou muito contente por estar aqui. Conheci animais muito interessantes, como o dingo e o kanguro, e isto permitiu-nos mudar um pouco aquilo em que estamos a pensar e relaxar antes do fim-de-semana.”

Sobre o desafio que tem pela frente enquanto tenta reclamar o título de 125cc o espanhol afirmou ainda: “Gosto de correr aqui em Phillip Island e no ano passado fui quarto. É muito divertido correr aqui e espero que o tempo esteja bom. O objectivo é terminar a corrida e não cometer erros como em Portugal.”

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™