Stoner limpa treinos e conquista pole

Sábado, 15 Outubro 2011

A procura da quinta vitória consecutiva de MotoGP em casa por parte de Casey Stoner continuou com o piloto da Repsol Honda a assinar a pole position depois de ter liderado as três sessões de livres em Phillip Island. O australiano vai contar com a companhia de Lorenzo e Simoncelli na primeira linha.

O Campeão do Mundo de 2007 parece estar perto de repetir a prestação do ano passado; o australiano dominou todas as sessões de treinos, conquistou a pole e rodou até à vitória com uma margem de 0,473s sobre o segundo classificado Jorge Lorenzo, da Yamaha Factory, com uma volta canhão de 1m29,975s. Se Stoner, que faz 26 anos no domingo, somar mais dez pontos que o detentor do ceptro, Lorenzo, ele conquistará o título de 2011 perante os seus compatriotas.

Marco Simoncelli, da San Carlo Honda Gresini, garantiu uma posição na primeira linha da grelha pela primeira vez desde Mugello ao rodar em 1m30,599s, enquanto Álvaro Bautista levou a Rizla Suzuki à melhor qualificação do ano com o quarto posto, a 0,115s do italiano.

Andrea Dovizioso (Repsol Honda) junta-se a Baustista na segunda linha com uma marca de 1m30,780s, tal como Nicky Hayden (Ducati Team), que teve uma saída de pista nos primeiros 15 minutos para depois voltar a rodar e chegar a ser terceiro. O americano terminou a sessão a apenas 0,012 de Dovizioso.

Ben Spies (Yamaha Factory Racing) sofreu uma incursão por fora a pista ao que se seguiu forte queda na Curva 3. O texano regressou à box e não tardou depois a voltar para a pista, saltando de imediato para sétimo da tabela no que foi uma rápida recuperação. O piloto conquistou a posição com um registo de 1m30,835s.

Dani Pedrosa (Repsol Honda) ficou atrás do texano, a 0,036s de distância, em oitavo. O espanhol foi o último a rodar a um segundo de Stoner. Colin Edwards (Monster Yamaha Tech 3) assinou o nono melhor tempos, com Loris Capirossi a completar a lista dos dez primeiros com a sua Pramac Racing, enquanto o seu companheiro de equipa Randy De Puniet a falhar a lista dos dez primeiros por 0,052s.

Damian Cudlin não rodou dentro dos 107% da pole. O australiano que está a rodar no lugar do lesionado Héctor Barberá na Mapfre Aspar ainda estava dorido da queda da manhã.

TAGS Australia

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™