Repsol Honda pronta para a primeira corrida no Qatar

Quarta, 16 Março 2011

Após prestações muito fortes nos testes de Inverno, Dani Pedrosa, Andrea Dovizioso e Casey Stoner estão muito confiantes para a primeira ronda da época.

Casey Stoner, o mais rápido no último teste de pré-época no Qatar, é quem conta com maior número de vitórias no traçado. O australiano venceu três corridas de MotoGP na pista (2007, 2008 e 2009), e uma nas 250cc em 2005.

Dani Pedrosa, rápido e consistente durante todo o Inverno, está pronto para a corrida do – onde conta com dois pódios no MotoGP (2007 e 2008) e também nas 250cc em 2004, acredita que a sua montada está em boa forma para ter um forte início de época.

Após os bons resultados na pré-época Andrea Dovizioso está desejoso pela primeira corrida do Campeonato. Andrea tem boas memórias desta pista, somando pódios nas três classes. Em 2010 terminou em terceiro após grande corrida e em 2008, numa Honda satélite, foi quarto ao ultrapassar Valentino Rossi na última volta da primeira corrida que fez na categoria rainha.

Dani Pedrosa, Repsol Honda

"Estou mesmo desejoso por começar esta época. Estamos aqui há muitos dias e já é altura de correr. Estamos optimistas para a prova depois dos resultados dos testes de Inverno. Penso que fizemos bom trabalho, a moto esteve competitiva em Speang e quando mudámos de circuitos manteve o mesmo nível, pelo que estou muito contente com isso. Começamos a época com uma moto competitiva. A RC212V não mudou muito face à que usámos na segunda metade do ano passado e estou confiante. De todas as formas, temos de estar concentrados porque o fim-de-semana de corrida será muito exigente com quatro dias. Os nossos rivais vão melhorar e veremos como estão as condições. Espero muito vento, como durante o teste. A moto e eu estamos em boa forma e espero começar a época forte. Lamento muito o que aconteceu no Japão. Estou com a Honda desde o início da minha carreira e tenho muitos amigos japoneses. Os meus pensamentos estão com todos eles e espero sinceramente que a situação melhore rapidamente para todo o Japão.”

Andrea Dovizioso, Repsol Honda

“Correr no Qatar é especial porque é a primeira ronda da época e porque é à noite. Tenho boas memórias desta pista, como a minha primeira corrida no MotoGP quando terminei em quarto, ou o pódio do ano passado. Estou desejoso por começar a correr depois de uma preparação de Inverno muito positiva. O Casey e o Dani aumentaram o nível, mas em comparação com o ano passado sinto-me mais competitivo. Aqui em Losail a moto escorrega muito e é importante encontrar a afinação certa para a pista. A corrida será longa e fisicamente exigente, mas estou desejoso pelo início do Campeonato. No que toca à decisão de adiar o GP do Japão, concordo totalmente. A extensão dos danos provocados pelo sismo e maremoto é tão grande que não seria impensável ter um Grande Prémio lá dentro de algumas semanas. A prioridade do país neste momento é tratar das pessoas e recuperar da situação. Sinto-me muito próximo do povo nipónico.”

Casey Stoner, Repsol Honda

"Nestes momentos difíceis que o Japão está a viver torna-se difícil ir correr e a tragédia está bem clara na nossa mente. Dito isto, é o que temos de fazer, pelo que temos de nos concentrar da melhor forma possível para conseguirmos um bom resultado para Honda e todos os seus funcionários. Após forte período de testes de Inverno estou muito contente com a afinação que encontrámos para a moto e vou para este fim-de-semana de corrida em busca de bom resultado. Quando a bandeira cair veremos o verdadeiro ritmo de todos os nossos rivais e saber onde estamos; estou desejoso. Normalmente sinto-me confortável aqui no circuito de Losail e espero que este ano, o meu primeiro com a Repsol Honda, seja de bons resultados.”

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™