Terol coroado Campeão do Mundo , Terol vence último GP de 125cc

Domingo, 6 Novembro 2011

Maverick Viñales assinou a quarta vitória da época de estreia no Grande Prémio Generali da Comunidade Valenciana, enquanto Nico Terol conquistou o Campeonato do Mundo de 125cc de 2011.

A última corrida da era das 2 tempos teve lugar no circuito Ricardo Tormo com o Campeonato a ser decidido ao longo das 24 voltas da prova. Danny Webb (Mahindra Racing) fez grande partida desde a primeira pole da carreira, mantendo a liderança até à segunda volta, altura em que foi superado por Héctor Faubel (Bankia Aspar). Mas todos os olhos estavam postos na luta pelo Campeonato entre o líder Nicolas Terol (Bankia Aspar) e o rival Johann Zarco (Avant-AirAsia-Ajo).

Zarco partiu bem da primeira linha, enquanto Terol rodou com cautela desde o nono posto da grelha, não precisasse o espanhola apenas de terminar em 11º, ou melhor. Mas depois de ter terminado todas as corridas da época nos seis primeiros, o jovem gaulês viu as suas esperanças caírem por terra ao cair na terceira volta enquanto tentava chegar à frente da corrida. Um contratempo que deu a última coroa das 125cc a Terol.

Com os primeiros dois lugares do Campeonato decididos com o abandono de Zarco, a luta pelo terceiro posto entre Sandro Cortese (Intact Racing Team Germany) e Maverick Viñales (Blusens by Paris Hilton Racing) passou o ser o centro das atenções, se bem que tudo ficou decidido antes do final da corrida também devido a queda; o germânico foi ao chão e abandonou a meio da corrida.

Iniciou-se então a luta pelas três primeiras posições da corrida entre Viñales, Faubel e Terol, com o novo Campeão do Mundo a conseguir chegar à frente do pelotão para entrar na luta pelo triunfo. O trio trocou de posições enquanto dilatou a vantagem para os restantes para mais de cinco segundos. Viñales passou para a frente a seis voltas do final e cruzou a linha de meta em primeiro para assinar o quarto triunfo da sua impressionante temporada de estreia, com Terol em segundo e Faubel em terceiro.

O quarto lugar ficou a cargo de Efrén Vázquez (Avant-AirAsia-Ajo), com Jonas Folger (Red Bull Ajo Motorsport) a reclamar a quinta posição à frente de Alberto Moncayo (Team Andalucía Banca Cívica). Luis Salom, da RW Racing GP, foi sétimo depois de ter partido da segunda linha, com o finlandês Niklas Ajo (TT Motion Events Racing) a terminar em oitavo e Luigi Morciano (Team Italia FMI) e Louis Rossi, da Matteoni Racing, a completarem a lista dos dez primeiros.

TAGS

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™