Attack Performance com tarefa árdua após dificuldades de Laguna Seca

Quinta, 2 Agosto 2012

Steve Rapp e a Attack Performance tiveram fim-de-semana difícil em Laguna Seca depois de não se terem qualificado para correr com o ambicioso projecto CRT.

O patrão da equipa Richard Stanboli, abarcou a imensa tarefa de construir um quadro para competir com motor Kawasaki como wild card na categoria CRT aquando o Grande Prémio dos Estados Unidos. Um primeiro teste era para ser levado a cabo no fim-de-semana anterior num traçado californiano, mas foi cancelado devido a problemas de última hora.

Isto fez com que Rapp e a Attack Performance só tenham rodado com o projecto de quatro meses pela primeira vez durante a primeira sessão de treinos em Laguna Seca. E apesar de terem conseguido grandes avanços em cada sessão no que toca a tempos por volta, eles não conseguiram atingir os 107% do melhor tempo para se qualificarem. Contudo, a equipa vai voltar à acção em Indianapolis, dentro de pouco mais de duas semanas, e Stanboli acredita que a formação vai estar muito melhor.

Stanboli comentou: “Fiquei desapontado por não termos podido correr. Fomos prejudicados por alguns fornecedores e isso atrasou-nos o programa de desenvolvimento. Não tivemos outra opção a não ser cancelar um importante primeiro teste com a Bridgestone e esperávamos melhor. A preparação é chave para o sucesso e não há lugar a esperanças nas corridas. Fomos para Laguna às cegas e isso não vai voltar a acontecer. Estaremos prontos para Indy.”

Ele também se manteve filosófico quanto a todo o resto, citando Henry Ford: “O falhanço é a oportunidade para começar de novo de forma mais inteligente.”

Veja no motogp.com a entrevista com Steve Rapp após a sua primeira ida para a pista na sexta-feira, antes da corrida de Laguna Seca.

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™