Bradl dá renovado optimismo à LCR

Quinta, 10 Maio 2012

Enquanto primeiro alemão na categoria de MotoGP™ desde 2007, o rookie Stefan Bradl não só proporcionou aos seus fans caseiros maior alegria, como um renovado optimismo à equipa da LCR.

Bradl, que venceu o Campeonato de 2011 de Moto2™, e tornou-se no mais novo alemão de sempre a arrecadar um título na categoria de Grandes Prémios, tem provado que foi um bom investimento por parte do CEO da equipa da LCR, Lucio Cecchinello. Até agora já conseguiu bater alguns pilotos de fábrica nas três corridas realizadas e alcançou um impressionante sétimo lugar na classificação geral do Campeonato, com 24 pontos.

O jovem piloto conseguiu ler bem as três corridas que realizou até agora nesta temporada e terminou sempre numa posição mais alta do que a alcançada na qualificação. No Qatar, subiu da nona para a oitava posição, em Jerez da oitava para sétima, a sua melhor marca no MotoGP até agora, e no Estoril passou de de 11º para nono. E, tendo em conta a grelha de partida, não foi um feito de desprezar.

Na sua primeira corrida começou logo a lutar com os três homens da Ducati Héctor Barberá, Nicky Hayden e Valentino Rossi pela sexta posição. Apesar de ter sido apenas o terceiro melhor nesta disputa, conseguiu arrecadar pontos valiosos para a ronda seguinte, onde voltou a lutar, levando dessa vez a melhor a Hayden. Estoril foi até agora a pior posição que alcançou, mas não terá abalado a sua confiança, depois da renhida luta que travou com o piloto da Yamaha Factory Racing Ben Spies pelo oitavo posto.

O jovem alemão da Baviera continua modesto acerca dos seus feitos, afirmando que sabe que é apenas o primeiro passo de uma longa aprendizagem e que tem ainda muito para melhorar, tal como a sua moto. E, apesar de conhecer todas as pistas do Campeonato de Moto2, Bradl explicou que está a reaprender a correr nelas em alguns aspectos, porque “parecem mais pequenas” – o ‘salto’ de 150 cv para 250 cv não passa despercebido!

LCR teve uma época difícil no ano passado, com o espanhol e Campeão do Mundo de Moto2 Toni Elías a não conseguir adaptar-se à combinação Honda-Bridgestone. Por isso, fazer com que a equipa tenha esperança em outro Campeão de Moto2 parece uma grande aposta ser à primeira vista, mas Bradl parece estar a corresponder bem ao ritmo e a provar que quaisquer dúvidas não têm razão de ser.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™