Crutchlow de olhos no pódio desde a primeira linha

Sábado, 15 Setembro 2012

Cal Crutchlow vai partir para o GP Aperol de São Marino e da Riviera de Rimini de amanhã confiante que pode lutar por mais um pódio depois de se ter qualificado com a máquina da Monster Yamaha Tech 3 Team na primeira linha grelha pela quinta vez nesta época de 2012.

A volta de 1m34,001s do britânico no Misano World Circuit Marco Simoncelli parecia ser o bastante para lhe garantir a primeira pole position de MotoGP, a dois minutos do final do treino. Mas os espanhóis Dani Pedrosa e Jorge Lorenzo conseguiram melhorar as marcas mesmo no final de uma excitante qualificação; ainda assim, Crutchlow conseguiu garantir a sétima presença da Monster Yamaha Tech 3 Team na primeira linha da grelha este ano.

As condições traiçoeiras da pista nos treinos impediram Andrea Dovizioso de completar bons preparativos até à tarde de hoje e o italiano não conseguiu mais que o sétimo posto com a YZR-M1.

Cal Crutchlow

“Estou contente por estar de novo na primeira linha e particularmente satisfeito pela minha equipa na Monster Yamaha Tech 3 porque fez um trabalho fantástico para me dar uma grande moto apesar do pouco tempo de pista. Para ser franco, senti-me um pouco enferrujado porque, depois de ter pedido todo o dia de ontem devido ao tempo, Brno parece ter já sido há muito tempo. O início da sessão foi muito complicado e estava a lutar com falta de aderência traseira. Falei com o Jorge e ele disse que também estava a ter problemas para conseguir colocar temperatura no pneu, mas estava a melhorar com cada minuto de pista e a aderência também. Estou contente por estar na primeira linha e estou rápido em todas as partes da pista. Se os meus melhores tempos nos quatro sectores fossem feitos numa só volta tinha a pole."

Andrea Dovizioso

“Não posso estar satisfeito com o trabalho que fizemos porque sou apenas sétimo da grelha. Devíamos ter feito um trabalho melhor, mas estou na terceira linha da grelha e acredito que posso lutar pelo pódio amanhã. Vai ser uma corrida muito difícil porque estamos um pouco às cegas devido ao tempo de pista que perdemos por causa das condições climatéricas. Será um jogo no que toca à afinação, mas conseguimos recolher muitos dados estar tarde e sem que vamos estar competitivos.”

Comunicado de imprensa Monster Yamaha Tech 3.

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™