Cortese assina emocionante vitória no GP da Austrália

Domingo, 28 Outubro 2012

O recém coroado Campeão do Mundo Sandro Cortese, da Red Bull KTM Ajo, assinou forte vitória na emocionante corrida de Moto3™ do AirAsia Grande Prémio da Austrália à frente de Miguel Oliveira e Arthur Sissis.

 

Zulfahmi Khairuddin, da AirAsia-SIC-Ajo, fez partida canhão ao assumir a liderança nos momentos iniciais da corrida seguido de Luis Salom (RW Racing GP), que recuperou desde nono da grelha. Jonas Folger (Mapfre Aspar Team Moto3) e Louis Rossi (Racing Team Germany) eram os nomes que se seguiam, com Cortese logo atrás.
 
Entretanto, o fim-de-semana da Mahindra Racing sofreu uma inversão para pior com Ricardo Moretti a ter de desistir ao cabo de algumas voltas. Numa dramática reviravolta, Folger, Salom, Rossi, Alberto Moncayo (Andalucia JHK t-shirt Laglisse) e Jack Miller (Caretta Technology) foram penalizados com passagens pela via das boxes devido a falsa partida. Rossi, mesmo antes de ver a placa, cometeu um erro no grupo da frente ao ir à relva, mas conseguiu manter a moto direita.
 
Niklas Ajo (TT Motion Events Racing) evitou queda a 16 voltas do final, enquanto Cortese tinha assumido a liderança após grande parte do grupo da frente ter cumprido as respectivas penalizações. Quem também tirou partido desta situação foi Miguel Oliveira, da Estrella Galicia 0,0, em segundo, enquanto Maverick Viñales (Blusens Avintia) lutava com o companheiro de equipa de Cortese, Arthur Sissis pelo quarto posto. A 13 voltas do final Ajo voltou a ser tocado pelo azar ao cair da moto na gravilha.
 
Enquanto isso, a dupla do Team Italia FIM, Romano Fenati e Alessandro Tonucci, o companheiro de equipa Oliveira, Alex Rins, Efrén Vázquez (JHK t-shirt Laglisse) e Danny Kent (Red Bull) juntavam-se ao grupo perseguidor na luta pela última posição do pódio. O companheiro de equipa de Folger, Luca Amato, desistia entretanto a meio da corrida. A oito voltas do final foi o drama para Viñales que sofreu queda e colocou ponto final aos seus intentos.
 
Duas voltas mais tarde Oliveira atacou Cortese e assumiu a liderança pela primeira vez. Na mesma volta, Toni Finsterbusch (Racing Team Germany) sofreu problema mecânico e teve de desistir da corrida. Khairuddin sofreu sorte idêntica, enquanto Cortese recuperava o primeiro posto. As duas últimas voltas revelaram-se muito emocionantes com a luta pela última posição do pódio entre Rins, Sissis, Kent, Fenati e Vázquez, com os pilotos a chegarem mesmo a tocar as carenagens.
 
No final, foi Cortese quem cruzou a linha de meta em primeiro, à frente de Oliveira e Sissis, com o australiano a mostrar-se particularmente contente por assinar o primeiro pódio da carreira de GPs perante o público da casa. Enquanto o português garantiu o segundo pódio da carreira e, simultaneamente, o melhor resultado desde que entrou para o Campeonato do Mundo. O quarto posto foi para Rins, seguido de Kent, Fenati, Tonucci, Vázquez, Alex Márquez (Ambrogio Next Racing) e Isaac Viñales (Ongetta-Centro Seta). Rins lidera agora a tabela dos Estreantes com cinco pontos de vantagem sobre Fenati.
TAGS Australia

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™