Dovizioso impressiona no arranque em Motegi

Sexta, 12 Outubro 2012

Andrea Dovizioso fez um excelente início de trabalho hoje no Japão ao colocar a Monster Yamaha Tech 3 Team na terceira posição em ambas as sessões de treinos no Twin Ring Motegi.

A volta de 1m46,919s valeu-lhe o terceiro posto atrás de Jorge Lorenzo e Dani Pedrosa e ele continuou a impressionar na segunda sessão. Uma vez mais, ele conseguiu ser o melhor piloto satélite ao terminar com a terceira marca, o que lhe dá ainda mais motivação para conquistar o sétimo pódio da campanha no domingo.

O primeiro dia acabou por se revelar um desafio difícil para Cal Crutchlow, com a natureza do Twin Ring Motegi a não ser a melhor para o seu estilo de travagem e entrada em curva. Crutchlow dedicou a maior parte do seu tempo em pista ao longo do dia de hoje para melhorar as sensações nas fortes zonas de travagem, mas nunca conseguiu encontrar uma afinação que o deixasse confortável com a sua YZR-M1 e terminou em nono na tabela de tempos combinados. Crutchlow continua a acreditar que pode fazer grandes progressos amanhã e o seu melhor tempo de 1m46,984s deixou-o a 0,1s do sexto posto.

Andrea Dovizioso

“Foi um início de fim-de-semana muito bom porque fiz o meu tempo com o pneu duro e parece que será a escolha provável para a corrida. O lado bom é que já estou muito competitivo, mas sei que podemos melhorar na última parte da entrada em curva. Não me sinto confortável nessa área, mas mesmo não me sentido 100% confiante com a moto já consigo puxar forte; estou muito perto dos dois mais rápidos. Acredito que serei capaz de acompanhar o Dani e o Jorge no domingo e esse é basicamente o objectivo do meu fim-de-semana.”

 

Cal Crutchlow

“Hoje as coisas não começaram como esperava porque trabalhámos muito para melhorar a moto, mas não consegui encontrar uma boa afinação. Estou muito atrás nas tabelas de tempos e muito longe do Andrea e temos ambos a mesma moto e os mesmos pneus, pelo que é claro que temos muito a melhorar amanhã. Nada do que tentámos parece ter funcionado, nem me deu as sensações que queria e tenho mesmo de melhorar e ser mais rápido com o pneu duro porque deve ser com ele que terei de correr. Não há um local em particular onde esteja a lutar. Temos vários problemas, mas vou falar com o meu pessoal da Monster Yamaha Tech 3 esta noite e ver se encontramos uma solução que me ajude a estar mais competitivo amanhã.”

Comunicado de imprensa Monster Yamaha Tech 3.

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™