Kent arrecada vitória em corrida emocionante no Japão

Domingo, 14 Outubro 2012

No AirAsia Grande Prémio do Japão foi o piloto da Red Bull KTM Ajo Danny Kent que saiu vencedor na dramática corrida de Moto3™, à frente de Maverick Viñales e Alessandro Tonucci.

Quando Kent arrancou da linha da meta, foi o piloto da RW Racing GP Luis Salom que assumiu a liderança da corrida nas primeiras curvas. Duas voltas depois, era o homem da Mapfre Aspar Team Moto2 Jonas Folger que seguia na frente de um grupo de quarto pilotos, com Sandro Cortese a seguir atrás na liderança de mais um grupo de cinco homens. Entretanto, o piloto da Technomag-CIP Alan Techer era penalizado devido a uma saída antecipada. Nessa altura, o grupo da frente era composto por Folger, Salom, Kent e pelo homem da AirAsia-SIC-Ajo Zulfahmi Khairuddin e, aos poucos, começava a afastar-se dos restantes pilotos. Mais atrás, Alessandro Moretto era obrigado a desistir da corrida devido a um problema mecânico. O piloto da Racing Team Germany Toni Finsterbusch também acabou por ter um problema com a sua mota.

A 13 voltas do final da corrida, os quarto homens da frente eram perseguidos de perto por um grupo de três outros pilotos, liderado por Alessandro Tonucci, com Cortese e o piloto da Blusens Avintia Maverick Viñales atrás. Cinco voltas mais tarde, Folger e Kent disputavam a liderança da corrida, com Tonucci na terceira posição. À entrada para as últimas sete voltas Tonucci passou para segundo, atrás de Folger.

Cortese conseguiu depois ultrapassar o seu companheiro de equipa Kent, chegando à terceira posição a seis voltas do final da tirada, com Vinãles a tentar não ficar para trás. A três voltas do final, o companheiro de equipa de Salom, Brad Bindes, foi obrigado a abandonar a corrida, numa altura em que a luta na frente da corrida era cada vez mais renhida.

A última volta não podia ser mais emocionante, com Salom a forçar a chegada à liderança da corrida na curva um, numa manobra que atirou Folger para fora da corrida. Com Cortese na frente e Viñales em quarto, o título parecia estar já nas mãos do germânico. Contudo, Kent e Tonucci conseguiram ultrapassar Cortese, com o alemão a tocar no pneu de Tonucci e a deixar cair a sua mota. Cortese conseguiu regressar à corrida, mas já só passou a linha da meta na sexta posição.

No final, Kent foi o primeiro piloto a cruzar a linha da meta, assinando a sua primeira vitória de sempre. O intermédio do pódio ficou para Maverick Viñales, com Alessandro Tonucci a garantir o terceiro posto, naquele que é o seu primeiro pódio. Estes resultados colocam Viñales na segunda posição do Campeonato, 56 pontos atrás de Cortese. Na quarta posição ficou o piloto da Estrella Galicia 0,0 Alex Rins, seguido por Khairuddin e Cortese. O companheiro de equipa de Rins, o português Miguel Oliveira, assegurou a sétima posição, à frente do piloto da Racing Team Germany Louis Rossi, do homem da JHK t-shirt Laglisse Efrén Vázquez e do companheiro de equipa de Tonucci, Romano Fenati.

Salom foi depois penalizado pelo incidente com Folger sendo acusado de “rodar de forma irresponsável durante a corrida de Moto3, pondo em perigo o piloto Jonas Folger, o que é uma infracção do artigo 1.21.2 dos regulamentos do Campeonato do Mundo de Grandes Prémios de Velocidade da FIM de 2012,” o que significa que em Sepang, no próximo fim-de-semana, partirá cinco posições atrás daquela que assinar na qualificação. Não foi apresentado apelo pela sua equipa.

TAGS Japan

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™