Oliveira escala até ao 7º posto em Motegi e sobe uma posição na geral

Domingo, 14 Outubro 2012

Miguel Oliveira não se estreou em Motegi como esperava. O piloto da Estrella Galicia 0,0 a fazer fraca partida, mas manteve sempre a concentração para terminar em sétimo e subir um posto na classificação do Campeonato do Mundo de Moto3™.

O jovem de Almada voltou a debater-se com algumas dificuldades com a sua Suter Honda. Contudo, nem mesmo isso foi o bastante para travar Oliveira na busca do melhor resultado possível. De tal forma que, apesar de ter chegado a rodar em 13º, o jovem português manteve a concentração e, como é seu apanágio, deu tudo o que tinha para começar a recuperar posições de novo à 16ª volta, o que acabou por lhe permitir ganhar seis lugares e terminar no sétimo posto.

 

“As coisas na corrida não correram mal, mas não correram de modo algum da maneira que queria,” começou por adiantar Miguel Oliveira no final da prova nipónica. “O objectivo era sair [bem] e conseguirmos estar no grupo da frente, mas isso desde o início não foi possível pois não conseguia acompanhar nenhuma das motos na recta e perdi contacto com o grupo por causa disso.”

 

“É um aspecto que temos de melhorar bastante porque estamos a comprometer muitos resultados nas corridas. Quanto ao resto, sabemos que esta moto é a que vamos ter até ao final da temporada e temos de trabalhar com ela e tentar chegar o mais à frente possível com o que temos,” rematou o jovem português que com o resultado conseguido em Motegi somou mais nove pontos e subiu um furo na classificação do Campeonato do Mundo de Moto3, onde ocupa agora o oitavo posto.

 

Miguel Oliveira ruma agora a Sepang para disputar já no próximo fim-de-semana o Grande Prémio da Malásia, 15ª prova do Campeonato do Mundo de Moto3.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™