Stoner deixa MotoGP™ em Valência com forte luta pela frente

valencia press conference motogp
Quinta, 8 Novembro 2012

Na última corrida da época de 2012 do MotoGP, o Grande Prémio Generali da Comunidade Valenciana, o recém coroado Campeão do Mundo Jorge Lorenzo contou com a companhia de Casey Stoner, que vai terminar a carreira, Valentino Rossi, Cal Crutchlow e Aleix Espargaró na conferência de imprensa de pré-evento desta quinta-feira.

 

Jorge Lorenzo, da Yamaha Factory Racing, que venceu o título na última jornada na Austrália, está contente por não ter mais pressão e está desejoso por pensar apenas na vitória: “Os meus ombros estão mais leves depois de vencer o Campeonato do Mundo. As coisas são muito mais fáceis com menos pressão. Gostava de lutar pelo triunfo, mas vamos ter muitos rivais. O Casey vai fazer a última corrida da carreira, pelo que é certo que terminar da melhor forma possível, e o Dani vai querer compensar às más sensações de Phillip Island.” E no que toca ao novo asfalto de Valência disse: “Sem ressaltos é mais fácil de rodar. Sentimo-nos mais confortáveis e é mais divertido.”
 
Para Stoner, da Repsol Honda Team, esta será a última corrida da carreira. Já com a mente feita há algum tempo, o australiano disse que não mudou de opinião: “Até certo ponto há algumas [sensações estranhas], mas como disse no passado, não é algo que tenha decidido há um mês. Há muito tempo que sabia que esta ia ser a minha última corrida. Não há muitas emoções, sabemos o que significa a decisão, pelo que vamos para esta corrida como nas últimas; vamos dar o nosso melhor e ver como nos sentimos depois da última corrida. É claro que a sensação é um pouco diferente antes desta prova, não estar a lutar pelo campeonato e não estamos de olhos postos na próxima temporada, pelo que as sensações são diferentes, creio, que as do passado. Mas de forma geral sinto-me muito bem para esta corrida e não saberemos como me vou sentir até segunda-feira.”
 
Para Rossi, da Ducati Team, esta prova é também um marco já que Valência será a última vez que roda com a Ducati antes de voltar à Yamaha: “Sim, vai ser a última corrida com a Ducati e estamos a chegar ao final desta história que, infelizmente, nunca apresentou boas prestações, bem o nível esperado. No domingo vai ser complicado porque depois de trabalharmos boa parte do ano com as pessoas, temos de parar e mudar de equipa. Vai ser emocional. Mesmo com o resultado a não ser fantástico, tivemos bons momentos juntos fora das pistas e demos o máximo.” Ele também prometeu fazer o mesmo nesta última ronda, mas está desejoso pelo primeiro ensaio coma Yamaha na terça-feira: “Vamos ver e tentaremos fazer o melhor nesta última corrida com a Ducati. Vai ser muito interessante na terça-feira de manhã compreender que nível podemos ter com a M1 e quais serão as sensações depois de duas difíceis épocas.”
 
Crutchlow, da Monster Yamaha Tech 3, é um dos poucos pilotos ao lado de Rossi que pode ainda lutar por uma posição no Campeonato neste fim-de-semana: “É bom voltar a Valência depois do bom resultado de Phillip Island. Estou desejoso. Vai ser uma corrida muito diferente para mim porque eu, o Valentino e o Álvaro [Bautista] somos os únicos que ainda estamos a lutar por uma posição no Campeonato. O quinto lugar não é nada de especial, mas é melhor que terminar em sétimo, pelo que espero ter um bom resultado no domingo.”
 
Espargaró, da Power Electronics Aspar, parece estar prestes a conquistar o ‘ceptro’ das CRT neste fim-de-semana, a menos que o seu companheiro de equipa Randy de Puniet possa inverter a diferença de 11 pontos: “Este ano foi fantástico porque tivemos uma grande luta com o Randy. No início do ano o objectivo era terminar no topo das CRT, mas sabíamos que com o Randy, no sétimo ano no MotoGP, e sendo um piloto rápido e experiente – sabíamos que não seria fácil. No início lutei um pouco, não compreendi a Aprilia e o Randy era muito mais rápido. Mas melhorámos corrida a corrida e vencemos as últimas quatro, pelo que estou muito contente.” 
 
No início do dia as estrelas do MotoGP™ subiram ao palco no Dia dos Campeões em Valência para entreterem o público e participarem no tradicional leilão para ajudarem a angariar fundos para a Riders for Health. A instituição de caridade tem ligação de longa data com o MotoGP™ e trabalha para garantir que os profissionais de saúde em África têm acesso a transportes fiáveis para poderem chegar às aldeias mais isoladas com cuidados médicos regulares.

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™