Trio da Ducati Team prepara-se para corrida em casa

Quarta, 29 Maio 2013

A Ducati Team vai fazer correr três motos no Grande Prémio de Itália TIM deste fim-de-semana, com Michele Pirro a fazer a segunda participação da época como wildcard ao lado de Andrea Dovizioso e Nicky Hayden para a corrida caseira da equipa.

 

A primeira das duas corridas a serem disputadas em Itália, mas a única a desempenhar o papel de representante do país no MotoGP (o evento de São Marino é em São Marino); Mugello conta com uma Bancada Ducati para onde rumam milhares de “Tifosi” dedicados todos os anos. Pirro, que rodou pela Pramac Racing em substituição de Ben Spies em França, vai agora voltar à acção aos comandos da Ducati GP13 “Lab”.
 
“Antes de mais, estou muito contente por estar a fazer a minha segunda participação como wildcard e queria agradecer à Ducati por esta oportunidade,” começa Pirro depois de já ter rodado com a moto “Lab” em Jerez. “Em Le Mans dei o meu melhor para me adaptar à GP13 padrão, que considero ser muito diferente da versão de desenvolvimento à qual vou regressar este fim-de-semana. Mugello fica perto dos escritórios da Ducati e já testámos muito aqui, pelo que estou pronto para a corrida.”
 
Dovizioso rumo a Mugello depois de ter, em conjunto com a equipa, apresentado o fim-de-semana mais forte da época até ao momento ao ter terminado em quarto após ter partido do terceiro posto da grelha em Le Mans.
 
“Estou mesmo desejoso pelo fim-de-semana de Mugello, é o circuito mais simpático do mundo,” diz Dovizioso. “É a ‘casa’ da Ducati e vamos certamente ter muitos fãs presentes, pelo que é mesmo muito divertido correr lá. Já fizemos alguns testes, pelo que estamos preparados, apesar de que vai ser difícil porque ainda temos basicamente a mesma GP13 de Le Mans.”
 
Até à data, o melhor resultado de Nicky Hayden em Mugello foi o terceiro posto em 2006.
 
“É claro que estamos muito animados com a ida a Mugello,” diz Hayden, Campeão do Mundo da categoria rainha de 2006. “É uma grande corrida numa grande pista e com uma grande atmosfera – é mesmo um dos melhores GPs do ano, especialmente quando se correr numa Ducati! A nossa moto foi construída à volta deste circuito, pelo que funciona bem aqui; a recta é favorável à Desmosedici porque se chega a ela muito rápido.”
 
“Não esperamos milagres, mas penso que nos podemos dar bem. Os fãs italianos da Ducati têm estado sempre ao nosso lado e seria muito bom deixar Mugello com o resultado que os deixasse orgulhosos.”
 
Após quatro corridas e ainda com 14 pela frente na época de 2013, Dovizioso e Hayden ocupam os sexto e oitavo postos no Campeonato de Pilotos com 39 e 25 pontos, respectivamente.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™