Lorenzo "Homem de Aço" corre para o Top 5

‘Man of Steel’ Lorenzo races to top five
Sábado, 29 Junho 2013

Num fim-de-semana impressionante para a Yamaha Factory Racing, o Campeão do Mundo Jorge Lorenzo mereceu totalmente a alcunha de “Homem de Aço” do MotoGP™ ao rodar rumo a impressionante quinto lugar no Iveco TT Assen apesar de fractura na clavícula.

Enquanto o seu companheiro de equipa Valentino Rossi voltou aos triunfos pela primeira vez desde 2010, Lorenzo terminou a corrida exausto depois de rodar contra as dores durante as 26 voltas para garantir que cedia apenas dois pontos para o rival na luta pela ceptro, Dani Pedrosa.

A presença de Lorenzo na corrida parecia, por si só, um milagre dado o facto de voado de Assen para Barcelona na noite de quinta-feira para ser operado à clavícula após a queda a alta velocidade na segunda sessão de livres. Ele enfrentou rigoroso teste de aptidão física na manhã de sábado para provar que podia correr em segurança após a colocação de placa de titânio e de oito parafusos no osso partido.

Resumindo as impressionantes 36 horas, Lorenzo disse: “Poucos minutos depois do acidente era impossível imaginar que isto iria acontecer. Formos corajosos ao fazermos a operação no mesmo dia, (mas) se tivesse esperado até sexta-feira os médicos não me teriam deixado correr.”

Lorenzo partiu de 12º da grelha, mas já era quinto na segunda volta e ainda chegou a rodar em quarto à frente do também piloto Yamaha Cal Crutchlow. Com o passar das voltas a exaustão instalou-se e a 11 voltas do final Lorenzo voltou a ser passado por Crutchlow – mas manteve o quinto posto para somar 11 importantes pontos para o Campeonato.

“Senti-me fisicamente bem no início da corrida, mas após a sétima volta cada uma deles foi pior,” continuou. “Era mesmo complicado mudar de direcção, travar e acelerar, pelo que não consegui melhor que o quinto posto.”

O resultado significa que Lorenzo mantém a segunda posição da geral, agora a apenas nove pontos de Pedrosa e a duas semanas de rumarem a Sachsenring. “Só perdemos dois pontos para o Dani, que lidera o Campeonato,” comentou Lorenzo. “Este quinto lugar é melhor que qualquer vitória da minha carreira. Espero ter uma boa recuperação para a Alemanha; não estarei a 100%, mas espero estar melhor que aqui.”

Mesmo depois de impressionante esforço físico, o Campeão do Mundo de MotoGP™ teve tempo para dar os parabéns ao companheiro de equipa Rossi, acrescentando: “Estou contente pelo Valentino. Mais de dois anos sem vencer foi duro para ele, pelo que estou contente pelo meu companheiro de garagem. Depois de Aragão (teste) pensei que ele tinha feito alguns melhoramentos e aqui tirou todo o partido da oportunidade.”

Olhando para a frente e para o evento germânico, Lorenzo ainda não triunfou na pista de Sachsenring em qualquer categoria do Campeonato do Mundo.

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™