Márquez o mais rápido em sessão que decidiu alinhamento da Q2

Motogp fp3 marquez qatar
Sexta, 5 Abril 2013

Marc Márquez bateu Jorge Lorenzo por um milésimo de segundo na terceira e última sessão de treinos livres do MotoGP™ em Losail. Com os novos regulamentos de Qualificação, o alinhamento da Q2 de sábado está decidido.
 

 

Em 2013, as primeiras três das quatro sessões de treinos do MotoGP têm influência directa na qualificação. Por isso, houve muita emoção entre os pilotos da última metade do Top 10, com cada um deles a tentar assegurar um lugar na sessão de sábado que dará a conhecer a pole position.
 
No início da sessão, no paddock a preocupação era que a chuva - que já tinha afectado as primeiras sessões da noite - regressasse e a acção fosse interrompida. Contudo, os aguaceiros deram tréguas, proporcionando uma emocionante sessão. Com um tempo de 1m56,084s, o piloto da Repsol Honda Márquez confirmou que será capaz de lutar pela pole position na sua estreia no MotoGP. Ele bateu o Campeão do Mundo Jorge Lorenzo por apenas um milésimo de segundo.
 
O britânico Cal Crutchlow conseguiu de forma confortável um lugar na Q2, com o terceiro posto na sessão, enquanto o companheiro de equipa de Lorenzo, Valentino Rossi, foi quarto no seu regresso à Yamaha Factory Racing. No final da sessão, Andrea Dovizioso assegurou um lugar no Top 5, no seu primeiro fim-de-semana com a Ducati. O piloto da Repsol Honda Dani Pedrosa lutou desde o início da primeira sessão de treinos por uma posição na frente, conseguindo garantir um lugar na Q2, com o sexto posto.
 
Com as condições da pista a melhorarem ao longo da terceira sessão de treinos livres, a luta foi grande por um lugar entre os 10 primeiros. Álvaro Bautista foi sétimo pela GO&FUN Honda Gresini, em oitavo ficou Nicky Hayden aos comandos da segunda moto da Ducati Team, com o estreante britânico Bradley Smith a impressionar na nona posição pela Tech 3. Stefan Bradl parecia ter uma difícil empreitada em mãos, mas acabou por conseguir assegurar o décimo posto para a LCR Honda MotoGP.
 
O primeiro e o último piloto do Top 10 ficaram separados por apenas nove décimos. Dentro do grupo, alguns pilotos ficaram separados apenas por milésimos de segundo.
 
Na Q1, no sábado, serão decididas as posições da grelha a partir do 13º lugar. Contudo, os dois pilotos mais rápidos irão ainda disputar a Q2, que contará assim com 12 participantes. Tendo em conta os últimos resultados, parece que a grande luta será entre os pilotos da Pramac Andrea Iannone e Ben Spies, além do homem da Power Electronics Aspar Aleix Espargaró, depois de terem conseguido ficar na sexta-feira entre a 11ª e 13ª posição.
 
Atrás, Héctor Barberá foi o melhor piloto da Avintia Blusens na 14ª posição, à frente do homem da PBM Yonny Hernández, do piloto da Aspar Randy de Puniet e do homem da NGM Mobile Forward Racing Colin Edwards, que liderou a luta das CRT na corrida do ano passado em Losail. Karel Abraham (Cardion AB Motoracing) foi 18º, com Hiroshi Aoyama e Danilo Petrucci a completarem o Top 20 pela Avintia e a Came IodaRacing Project, respectivamente. A 21ª e 22ª posições ficaram separadas por menos de um décimo de segundo, mostrando que a competição é tão renhida na frente como mais atrás, com Bryan Staring (Gresini’s CRT) a ficar na frente do estreante checo da Ioda Lukáš Pešek. O homem da PBM Michael Laverty levou a sua máquina até à 23ª posição, enquanto o piloto da Forward Claudio Corti acabou por fechar a tabela de tempos, depois de ter ficado parado no meio da pista.
 
O Q1 para o Commercial Bank Grande Prémio do Qatar tem início às 20:35 locais no sábado (GMT +3) e pode ser visto em directo no motogp.com.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™