Márquez e Bradl falam do MotoGP™ e de futebol em talk show alemão

Segunda, 1 Julho 2013

Após o excitante Iveco TT Assen do fim-de-semana passado, Marc Márquez, da Repsol Honda Team, e Stefan Bradl, da LCR Honda MotoGP, foram transportados de helicóptero para o canal germânico de televisão ZDF para marcarem presença no programa “Sportstudio”, onde discutiram a época atém ao momento e o interesse comum pelo futebol.

Bradl, que está na segunda temporada no MotoGP™, e que se estreou na primeira linha em Assen, disse que esperava mais da corrida em que terminou em sexto: “Para ser franco, sim. É claro que foi um bom ponto de partida para mim, pelo que esperava terminar um pouco mais à frente.”

O estreante do MotoGP™ Márquez só registou uma desistência em sete jornadas já disputadas, mas também terminou no pódio por seis vezes. Em Assen terminou atrás de Valentino Rossi, da Yamaha Factory Racing, e à frente de Cal Crutchlow, da Monster Yamaha Tech 3, com quem levou a cabo grande batalhe no final da prova para terminar na segunda posição. Márquez tem a possibilidade de se tornar no mais jovem Campeão do Mundo de sempre neste seu primeiro ano na categoria rainha.

Contudo, o jovem de 20 anos mostrou-se muito modesto perante os espectadores alemães: “Antes de mais, peço desculpa por não falar alemão,” começou. “É mesmo um Campeonato do Mundo difícil, mas de momento as coisas estão a correr bem. Contudo, o meu objectivo não é ser Campeão do mundo, mas dar o meu melhor em cada corrida.”

Enquanto adeptos de futebol, Márquez do FC Barcelona e Bradl do FC Bayern de Munique – os dois pilotos não estão só ligados pelo motociclismo, mas também pelo nome Josep Guardiola, o antigo treinador do Barcelona que agora ocupa o mesmo cargo no Munique.

Quando questionado no programa se o Bayern contratou o melhor treinador do mundo, Bradl disse: “Veremos. Penso que é claramente a jogada certa. De certeza que as próximas semanas serão interessantes.”

Márquez não se importaria de ver “Pep” regressar à sua antiga equipa: “Sim, é claro. Ele levou o Barça a grandes sucessos. Sou um grande fã do Barça. Mas ele agora tem um desafio maior. É o treinador daquela que, neste momento, é a melhor equipa do mundo. Admiro-o pelo seus valores e como pessoa.”

De volta ao tópico das corridas e olhando para a actual classificação do Campeonato, Márquez é terceiro e Bradl sétimo. O espanhol já referiu que quer dar o máximo em todas as corridas, enquanto Bradl comentou: “Penso que estou claramente mais longe de vencer uma corrida que ele (Márquez). Mas creio que dei um bom passo com o terceiro lugar na grelha em Assen. Infelizmente, não chegou, e estou um pouco desapontado. Mesmo assim, o objectivo para a minha temporada é chegar ao pódio, ainda para mais porque não estamos longe.”

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™