A história importa antes do 65º Dutch TT

Preview Assen MotoGP
Segunda, 24 Junho 2013

Assen é o único traçado no actual calendário do MotoGP™ a ter recebido o Campeonato do Mundo todos os anos desde a sua criação em 1949. Mais uma razão para se dar tudo pelo sucesso, com Jorge Lorenzo apostado em reduzir a vantagem de Dani Pedrosa.

 

O primeiro Dutch TT teve lugar no sábado 9 de Julho há 64 anos. Seis pilotos alinharam na corrida de 500cc e, ao cabo de 1h45m de corrida, a vitória ficou a cargo do italiano Nello Pagani aos comandos de uma Gilera, com o britânico da AJS Leslie Graham em segundo e a caminho de ser coroado o primeiro Campeão do Mundo de sempre meses mais tarde.
 
Viajando no tempo para 2013 e a única certeza é que o vencedor não será o mesmo do ano passado; Casey Stoner foi o primeiro a ver a bandeira de xadrez no Iveco TT Assen do ano passado. A corrida acabou por não contar para nada para Jorge Lorenzo, que foi colocado fora de acção na Curva 1 por Álvaro Bautista que, por ironia, nas duas últimas provas desistiu na primeira volta.
 
Com a época cada vez mais perto do meio – que vai ser atingido rapidamente com as próximas duas corridas em Sachsenring e Laguna Seca a serem as primeiras a ser disputadas em fins-de-semana consecutivos este ano – a tenção está claramente a crescer no paddock.
 
Se alguém tem noção de consistência é certamente Lorenzo, que no ano passado terminou no pódio em todos os eventos, excepção feita a dois. Além disso, depois de seis corridas o maiorquino somava 140 pontos. Desta feita, Lorenzo totaliza 116, o que significa que está praticamente a 25 pontos (uma corrida) de distância do pontos que detinha em 2010 e 2012, anos da conquista dos dois títulos. Isto deve-se ao sétimo lugar de Lorenzo em Le Mans e ao que aconteceu na última curva de Jerez...
 
É frequente dizer-se que é mais fácil ser o perseguidor que o perseguido. É justo sugerir que Pedrosa pode não estar habituado a defender a liderança do Campeonato, já que desde meados de 2008 que não ocupava o primeiro posto da geral. Ele e Lorenzo dirão que os pontos só darão prémios no final do ano, em Valência, mas a liderança a meio do ano será seguramente forte fonte de motivação.
 
E os que estão atrás dos líderes? O contratempo de Marc Márquez em Mugello deixa-o a 30 pontos do companheiro de equipa, apesar de ter terminado no pódio em todas as outras corridas. Aqueles que gostam de números também já terão notado que o total de pontos do jovem de 20 anos é igual ao número da sua moto, enquanto Valentino Rossi conta apenas com 40% do total de pontos possíveis de conquistar até ao momento. A última vez que ele rodou em Assen com uma Yamaha foi em 2009. Venceu. De certeza que adoraria repetir o feito.
 
O Campeonato do Mundo de MotoGP™ ruma a Assen pela 65ª vez. Nas últimas 34 visitas o vencedor acabou por se sagrar Campeão do Mundo... Se a história tiver alguma coisa a dizer, será uma corrida importante...

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™