Gobmeier: "Não haverá revoluções, a filosofia é a correcta"

Quarta, 16 Janeiro 2013

O novo Director Geral da Ducati Corse falou esta manhã na conferência de imprensa levada a cabo na estância de esqui de Madonna di Campiglio e apresentou as linhas mestras para a próxima época. Para Gobmeier a campanha de 2013 será de “desenvolvimento” e “evolução” e o objectivo será alcançar resultados importantes.

 

Bernhard Gobmeier apresentou-se à imprensa internacional apenas uma semana depois da sua entrada oficial para o cargo de Director Geral da Ducati Corse na fábrica de Borgo Panigale. Pouco tempo, portanto, nas suas novas funções, mas com muita pressão desde o início já que o projecto Ducati arranca em finais de Janeiro com o primeiro teste oficial de MotoGP em Sepang. “Estou aqui há poucos dias e é cedo para falar de mudanças. Ainda estamos em fase de análise,” salientou Gobmeier. “Vamos construiur sobre o que temos e vamos concentrar-nos mais na evolução que na revolução. Sabemos que as revoluções destroem o que há de bom e de mau, e isso não funciona. A Ducati impressionou-me. É uma família e tudo isso ajuda à motivação e dedicação ao projecto desta companhia.”
 
A difícil situação de Filippo Preziosi como Director Geral foi o primeiro tema abordado pelo germânico: “É claro que vamos usar a sua experiência. Estamos em contacto e ambos queremos que a Ducati seja uma vencedora. O seu novo papel também proporcionará um canal de comunicação entre o Departamento de Competição (Reparto Corse) e de Produção. Também tenho de dizer que, além do Filippo, a Ducati tem outros grandes engenheiros com ideias que podem ajudar a causa. No que toca às minhas ideias, prefiro primeiro falar com eles do que convosco!” O director alemão acrescentou: “Não há peças milagrosas a alterar. Há muitos factores que contam para o êxito. Começando pelos pneus, a motivação da equipa e de toda a gente e, é claro, o piloto – estamos contentes com os nossos cinco, incluindo o Michele Pirro – e, sem dúvidas, o lado técnico, isto para não falar da sorte. Temos que trabalhar em todos os aspectos da nossa moto. Não haverá revoluções, o potencial está lá e temos confiança.”
 
O novo responsável da Ducati Corse não entrou em aspectos mais técnicos, mas indicou: “Há planos para o futuro. Começaremos com a moto apresentada, que tem muito potencial a explorar. Ao mesmo tempo, temos umas quantas ideias para o chassis, electrónica e motor que deveremos testar primeiro antes de o introduzir no processo de desenvolvimento. Creio que uma moto com quatro pilotos como o Andrea (Dovizioso), o Nicky, o Ben e o Andrea (Iannone) deve ser manejável por todos. Não deve ser uma moto só para o Casey Stoner. Não copiaremos a Yamaha, temos uma filosofia que não vai mudar porque no passado já mostrou ter êxito, mas é óbvio que o objectivo será fazer com que a moto seja mais dócil.”
 
“Uma coisa é certa, o espirito "desmodrómico" não vai ser alterado. Não há razões para mudar uma moto que funciona e que faz parte da história da Ducati. Enquanto o regulamento o permitir, manteremos o Desmodromic e com a mesma configuração.”
 
O engenheiro germânico também introduziu o tema da Audi ao comentar: “A Audi não tem nenhuma experiência no mundo das corridas de motos, mas apoiará a Ducati ao nível da investigação científica e actuará apenas nas suas áreas de competência. É claro que este tipo de colaboração será muito bom tanto para a Ducati, como para a Audi.”
 
Por último, e sobre as metas para a próxima temporada, assegurou: “Estou de acordo com abordagem do Andrea (Dovizioso) a médio e longo prazo para o desenvolvimento. As corridas são o ADN da Ducati e este ano será de evolução, mas isso não quer dizer que não queiramos resultados. Para chegar ao tempo é necessário algum tempo e, por que não, a mudança de regulamentos em 2014 representam uma oportunidade importante para nós para reduzirmos as distâncias para os que estão à nossa frente.”
TAGS 2013 Ducati Team

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™