Yamaha Factory Racing termina trabalho nos EUA

Quarta, 13 Março 2013

As máquinas da Yamaha Factory Racing deixam o Circuito das Américas (COTA) ao final desta quarta-feira, com Jorge Lorenzo e Valentino Rossi a terem terminado o programa após dois dos três dias do teste privado desta semana.

 

Uma vez mais, apesar dos tempos por volta terem caído no segundo dia a verdade é que isso significa pouco pois o teste teve como objectivo recolher dados relativos à complicada, sinuosa e ondulante pista. O COTA, novidade para o MotoGP™ este ano, vai ser palco da segunda jornada da época no próximo mês.
 
“O teste foi organizado pela Honda para durar três dias, mas desde o início que sabíamos que dois dias seriam suficiente para nós,” explicou o Director de Equipa da Yamaha Massimo Meregalli. “O objectivo era permitir aos pilotos acostumarem-se ao circuito e recolher o máximo de dados possível para os nossos engenheiros nipónicos.”
 
Tanto Lorenzo como Rossi melhoraram ao longo do segundo dia, retirando vários segundos às suas primeiras melhores marcas enquanto continuaram em busca de mais aderência.
 
“Hoje sinto-me melhor,” começou o espanhol. “Na última tirada antes de almoço alterámos a afinação da segunda moto e melhorámos um pouco, pelo que estamos mais perto dos pilotos mais rápidos, mas não tanto como gostaríamos. Começámos com a suspensão muito macia, mas depois tornámos-la mais dura e isso funciona nesta pista... testámos diferentes afinações – nada de componentes novos, apenas jogámos com o acerto e alterámos suspensão e garfo – e na última saída melhorei em meio segundo (apenas) com alterações de afinação.”
 
O italiano Rossi ecoou as sensações do companheiro de equipa, com o qual se reúne em 2013 depois de dois anos na Ducati Team sem vitórias.
 
“As poucos e poucos melhorámos muito face a ontem, mas temos algumas desvantagens em comparação com outro, pelo que temos de juntar tudo,” admitiu. “O objectivo era vir aqui e tentar compreender a pista e estar pronto para a corrida.”
 
“Os nossos rivais conseguem acelerar mais depressa que nós desde o gancho e têm um pouco mais de aderência no limite que nós, por isso são áreas que temos de melhorar.”
 
A partir do início do próximo fim-de-semana a Yamaha vai marcar presença em Jerez para o quarto e último Teste Oficial de MotoGP™ antes do arranque da temporada a 7 de Abril no Qatar.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™