Yamaha fecha visita a Espanha com teste positivo

Quinta, 20 Junho 2013

Após a impressionante vitória do Campeão do Mundo Jorge Lorenzo em Barcelona no fim-de-semana, a Yamaha Factory Racing Team levou a cabo dois bem sucedidos dias de testes.

 

O teste de segunda-feira na Catalunha, logo após a corrida, foi seguido da viagem até Aragão e por mais um dia de trabalho, na quarta-feira. Lorenzo e Rossi trabalharam em várias alterações de afinação, bem como na avaliação dos pneus Bridgestone.
 
Lorenzo ficou contente por ter melhorado o acerto da moto para a pista de Aragão, um passo fundamental rumo a uma potencial vitória no Grande Prémio deste ano, e terminou o dia como o mais rápido, quase quatro décimos à frente do rival Marc Márquez.
 
"Em comparação que o normal, hoje estive mais forte,” disse Lorenzo. “Nesta pista normalmente tenho problemas de afinação da moto e em conseguir fazer a moto trabalhar como noutras pistas. Desta vez, estive muito competitivo desde o início, com muita confiança. Também creio que estou em boa forma, pelo que tirei partido disso. Também tive a oportunidade de testar um novo pneu para me colocar numa situação de qualificação e fiz um tempo por volta muito bom. Estamos apenas a testar coisas pequenas, mas é melhor que nada.”
 
O nove vezes Campeão do Mundo Rossi ficou contente pelo significativo passo em frente no que toca ao controlo em travagem forte, bem como nas melhorias da afinação para o circuito de Aragão. O italiano terminou o dia em quarto, a menos de um segundo da frente.
 
"Antes de tudo, modificámos a afinação da moto e também do garfo frontal e agora sinto-me mais confiante em travagem; posso travar mais forte e parar melhor a moto,” explicou o italiano. “Para mim isto é um grande melhoramento. Depois disso experimentámos o braço oscilante como o Jorge tem, um pouco mais rígido, o que gosto. Testámos mais algumas pequenas coisas; no final fizemos um bom pacote que me dá boas sensações, especialmente em travagem. Estou muito contente porque até hoje não tinha esta sensação em travagem. Estou desejoso por Assen para compreender se isto também vai representar melhorias noutras pistas. É importante para a volta de qualificação porque temos de travar mais forte. Este resultado é particularmente importante aqui em Aragão porque não é uma das minhas melhores pistas. Ainda não fiz grandes corridas aqui, mas o ritmo de hoje e os tempos por volta acabaram por me deixar muito contente.”

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™