Decisão da Comissão de Grandes Prémios

Terça, 2 Julho 2013

A Comissão de Grandes Prémios, composta por Carmelo Ezpeleta (Dorna, Chairman), Ignacio Verneda (FIM Executive Director, Sport), Herve Poncharal (IRTA) e Takanao Tsubouchi (MSMA) ina presença de Javier Alonso (Dorna) e de Mike Trimby (IRTA, Secretário da reunião), num encontro levado a cabo a 28 de Junho de 2013 em Assen (HED), tomou as seguintes decisões.

 

Regulamentos Técnicos Classe de MotoGP – Efeitos Imediatos
 
A regra dos “engine claiming rule” é cancelada para qualquer inscrição CRT que use o hardware e software oficiais da Magneti Marelli.
 
Classe de MotoGP – Efeitos a partir de 2014
 
A regra “engine claiming rule” é cancelada por completo.
 
Classe de Moto2 – Efeitos Imediatos
 
As equipas podem actualmente solicitar a alteração de um motor oficial mesmo que o Director Técnico tenha decidido que, na sua opinião, não há justificação para a alteração. Nos actuais regulamentos tais pedidos arriscam a caducidade de um depósito de 20.000€ caso os exames posteriores do motor mostrem que este estava a funcionar dentro dos parâmetros normais. Na prática, a penalização nunca foi aplicada e às equipas tem sido apenas cobrados os custos envolvidos na abertura e teste do motor.
 
O depósito, que é sujeito a caducidade é agora reduzido para 7.500€ com um suplemento de 2.500€ para quaisquer subsequentes alterações pela mesma equipa/piloto na mesma época. Este depósito/penalização será aplicado sem excepções.
 
O objectivo da alteração da regra é desencorajar as equipas de solicitarem alterações de motor por motivos infundados na esperança de lhes ser aleatoriamente atribuído um motor que pode ter melhor prestação.
TAGS 2013

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™