Lorenzo na frente no GP da Austrália

lorenzo fp2 motogp australia
Sexta, 18 Outubro 2013

 

Foi o Campeão do Mundo de MotoGP™ Jorge Lorenzo quem liderou as duas sessões de livres esta sexta-feira em Phillip Island com vista ao Tissot Grande Prémio da Austrália. O piloto da Yamaha Factory Racing terminou à frente de Marc Márquez e Álvaro Bautista com o líder da classificação a ter sorte ao evitar lesão em Lukey Heights.

 

Esperava-se que os recordes caíssem em Phillip Island este ano com o novo piso colocado desde 2012. Com boas condições climatéricas o piloto da Yamaha Factory Racing não demorou a rodar em 1m28,961s, com o piloto da Repsol Honda Team, Márquez, em segundo enquanto Bautista, da GO&FUN Honda Gresini, foi terceiro da geral, mas segundo durante a tarde. Um resultado que relegou o colega de equipa de Márquez, Dani Pedrosa, para quarto depois de parar a moto à saída do Southern Loop perto do final do segundo treino. Valentino Rossi (Yamaha) completou a lista dos cinco primeiros.
 
Márquez teve sorte ao evitar lesão durante o segundo treino; o piloto de 20 anos sofreu queda no topo de Lukey Heights. Parecendo ter evitado lesão, o espanhol voltou à pista menos de 20 minutos depois. O mesmo não se pôde dizer de Stefan Bradl (LCR Honda MotoGP); já com o tornozelo direito fracturado em Sepang no sábado, o germânico foi autorizado a alinhar no primeiro treino, mas terminou a quase 4 segundos da frente e depois foi declarado inapto. Ele espera regressar no Japão, no próximo fim-de-semana.
 
A Monster Yamaha Tech3 ocupou os sexto e sétimo postos, com Cal Crutchlow meio segundo mais rápido que Bradley Smith, com este último a estrear-se em Phillip Island na categoria rainha. O Top 10 contou ainda com o líder das CRT, Randy de Puniet (Power Electronics Aspar), assim como com a dupla Ducati Team, Nicky Hayden e Andrea Dovizioso, com o Campeão do Mundo de 2006 a ter agora confirmado que se vai juntar à Aspar nas próximas duas campanhas de MotoGP™.
 
Yonny Hernández (Ignite Pramac Racing) sofreu queda de manhã, enquanto Héctor Barberá (Avintia Blusens) foi o último a ir ao chão à saída de Lukey Heights, cerca de cinco minutos antes do final. Os australianos Bryan Staring e Damian Cudlin terminaram o dia em 21º e 24º, respectivamente, com as CRT da Gresini e da PBM.
 
A terceira sessão de livres, também determinante para a ordem da Qualificação, tem lugar amanhã a partir das 10h55 locais (GMT +11).
TAGS Australia

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™