Lorenzo com "boas sensações" enquanto Rossi testa duas motos

yamaha reviews indianapolis friday
Sexta, 16 Agosto 2013

Jorge Lorenzo pode ainda não estar totalmente recuperado, mas o Campeão do Mundo de MotoGP™ mostrou-se contente ao relatar que se sentiu muito melhor nesta sexta-feira em comparação com a última prova antes da paragem de Verão.  Ele terminou o primeiro dia de Indianápolis na quarta posição, enquanto o companheiro de equipa Valentino Rossi avaliou várias afinações.

 

Na sexta-feira Lorenzo foi o melhor piloto Yamaha ao terminar com o quarto tempo, isto depois de ter rodado rumo a um muito difícil sexto posto na última corrida na Califórnia após os dois aparatosos acidentes que sofreu em Assen e Sachsenring.
 

“A clavícula está melhor – ainda não está a 100%, mas está perto,” começou o maiorquino. “Não me dificulta muito no que toca a rodar a alto nível. Ainda estamos muito longe do recorde da pista e o piso ainda está muito escorregadio. Em comparação com o ano passado penso que vamos ter menos problemas para lutar pelo pódio. Ganhei aqui em 2009, mas normalmente não é fácil para mim; por vezes os outros pilotos Yamaha são mais rápidos que eu, mas até agora está a ser um bom início.”
 
“Esta manhã as condições da pista estavam melhores que o esperado e depois melhoraram ainda mais ao longo do dia, especialmente em travagem, mas penso que a nossa margem pode ser melhorada. Não fizemos muitas voltas de tarde; querida fazer mais, mas primeiro a bandeira vermelha custou-nos tempos e depois, no final, encontrei muitas CRT pela frente, o que fez com que fosse difícil conseguir voltas limpas.”
 
O companheiro de equipa na Yamaha Factory Racing, Rossi, venceu no lendário traçado em 2008, tornando-se no piloto com mais vitórias na categoria rainha. Hoje, o seu programa de trabalho centrou-se na avaliação de afinações.
 
“Rodei com duas motos diferentes para tentar melhorar as sensações em travagem e à entrada em curva,” explicou o italiano. “Fizemos duas comparações diferentes e no final decidimos o caminho a seguir. Amanhã vamos concentrar-nos nessa moto para tentarmos resolver alguns problemas com a subviragem, especialmente em duas ou três entradas que são muito complicadas. De forma geral estou contente.”
 
No ano passado em Indianápolis Lorenzo foi segundo, atrás de Dani Pedrosa (Repsol Honda Team), enquanto Rossi, na altura com a Ducati Team, foi sétimo.

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™