Oportunidade de recuperar para a dupla da Gresini

Quarta, 23 Abril 2014

Após o desapontante final de corrida no Texas para o Team GO&FUN Honda Gresini, a formação ruma agora à Argentina para a terceira ronda da época com o objectivo de corrigir a mão no novo circuito de Termas de Río Hondo.

O Grande Prémio Red Bull da República da Argentina é a oportunidade perfeita para somar alguns pontos no Campeonato do Mundo para Álvaro Bautista e Scott Redding depois de ambos se terem visto obrigados a desistir em Austin na sequência de quedas.
 
Na verdade, Bautista teve um difícil início de campanha este ano, desistindo nas duas corridas já disputadas. Contudo, o espanhol é um dos apenas quatro pilotos – os outros são Cal Crutchlow, Stefan Bradl e Héctor – que já rodaram no traçado argentino aos comandos de uma máquina de MotoGP, nos testes realizados no circuito no ano passado em Julho.
 
Bautista vai assim começar o Grande Prémio com ligeira vantagem sobre os demais, algo de que quer tirar o máximo partido.
 
Ele comentou: “Durante o teste levado a cabo no ano passado no circuito de Termas de Río Hondo vi desde logo que a pista tem algumas partes muito técnicas. Gosto muito do traçado porque tem muitas curvas rápidas que se adaptam bem ao meu estilo de pilotagem.”
 
“Contudo, devo dizer que no ano passado só conseguimos tirar partido de um dia de testes porque no segundo choveu, pelo que não conseguimos trabalhar na afinação da moto. Neste Grande Prémio a nossa prioridade é terminar a corrida sem corrermos riscos: depois de duas corridas ainda estamos a zeros, pelo que temos mesmo de começar a somar alguns pontos.”
 
Enquanto isso, o colega de equipa Redding vai descobrir o novo circuito aos comandos da Honda RCV1000R Open: um desafio que fascina o jovem estreante, normalmente tranquilo com o primeiro contacto com circuitos que desconhece.
 
“O facto de Termas de Río Hondo ser desconhecido para todos – tirando alguns pilotos que lá testaram no ano passado – penso que torna as coisas mais fáceis para mim porque vamos todos começar o fim‑de‑semana ao mesmo nível,” disse o inglês.
 
“Além disso, gosto muito de correr em novas pistas; é sempre um desafio interessante tentar ser rápido numa nova pista, é uma motivação nova. Estou desejoso por começar o primeiro treino para ver como a moto funciona nesta pista.”

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™