Árduo terceiro para rejuvenescido Pedrosa

Hard fought third for rejuvenated Pedrosa
Domingo, 15 Junho 2014

Dani Pedrosa (Repsol Honda) recuperou de desapontante visita a Mugello ao terminar em terceiro em casa, no Grande Prémio Monster Energy da Catalunha.

O vencedor de 25 corridas de MotoGP™ partiu da pole pela primeira vez em 12 meses. Após boa largada Pedrosa iniciou batalha com Marc Márquez (Repsol Honda) e com os pilotos da Movistar Yamaha, Valentino Rossi e Jorge Lorenzo. 
 
Uma bandeira amarela na Curva 3 causou confusão a Pedrosa depois de Márquez erguer o tronco na moto e Rossi passar. A luta entre Márquez e Pedrosa intensificou-se com o aproximar do final.
 
A batalha culminou com Pedrosa a tocar na roda traseira do colega de equipa na última volta, o que o levou a alargar a linha e permitir a subida de Rossi a segundo.
 
Pedrosa comentou: “Estou mesmo contente com a corrida e com todo o fim‑de‑semana. O objectivo era melhorar na qualificação e início da corrida. Consegui e isso permitiu-me ficar com o grupo da frente até ao final.”
 
“Posso imaginar o que os fãs sentiram ao ver os quatro primeiros lutar tão próximos, foi uma corrida muito especial. Tive boas sensações com a moto e tentei puxar até ao fim. Toquei-lhe (Márquez) um pouco na última volta, o que foi uma pena porque perdi a posição. Mas não me sinto triste, foi um bom fim‑de‑semana,” acrescentou.
 
Sobre a bandeira amarela Pedrosa disse: “Também fiquei um pouco confuso com a bandeira amarela. Não a vi, apenas vi o Márquez abrir e depois pensei que a ultrapassagem tinha sido demasiado fácil! Olhei em volta e vi uns comissários, pelo que regressei a terceiro só para jogar pelo seguro.”

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™