Laverty perdeu um ponto na última volta

Terça, 15 Abril 2014

A segunda ronda do Campeonato do Mundo de MotoGP™ de 2014, no Circuito das Américas, viu o piloto da PBM Michael Laverty falhar os pontos por muito pouco ao terminar em 16º.

Na verdade, na última volta, ele passou para a frente de Héctor Barberá, da Avintia Racing, para ocupar a última posição pontuável, mas o espanhol levou a melhor sobre o britânico na linha da meta, o que impediu Laverty de somar os primeiros pontos da época por apenas 0,167s ao cabo de 21 voltas ao traçado texano.
 
Laverty comentou: “Estou satisfeito com a forma como rodei, mas muito frustrado por perder um ponto na última volta. Tive pequenos problemas que afectaram os meus progressos, mas puxei forte e apanhei o Barberá e o (Karel) Abraham a meio da corrida. Subi a 16º a cerca de três voltas do final, mas depois tive pouco aderência e não consegui travar o Barberá. Ele fez uma forte última volta e não consegui responder.”
 
“Tivemos um bom fim-de-semana, com progressos constantes no chassis em todas as sessões, o COTA é mais favorável às características de potência dos nossos rivais que ao nosso motor Aprilia, pelo que sinto que, de forma geral, fizemos um bom trabalho.”
 
O colega de equipa na PBM, Broc Parkes, esperava somar pontos ao conquistado com o 15º lugar no Qatar, no GP de estreia, e estava confiante depois de se ter qualificado meio segundo atrás de Laverty na sétima linha da grelha.
 
Apesar de grande partida, não tardou a tornar-se evidente que as coisas não estavam bem para o australiano, que caiu na classificação e ao cabo de oito voltas a lutar com problemas na frente da moto, o que o levou a ir para as boxes e desistir.
 
Parkes afirmou: “Tal como com outros pilotos, não tive aderência frontal e senti muitas vibrações; de tal forma que não conseguia rodar pelo que era continuar e arriscar uma queda, ou desistir. Relutantemente escolhi a última. Acabou por se revelar uma decisão acertada, já que outros pilotos continuaram e caíram. Houve mais algumas coisas pequenas, mas espero que os rapazes descubram tudo. Fiquei mesmo aborrecido por ter tido de desistir, detesto ter de o fazer.”
 
Em resultado disto, Parkes ocupa agora a 20ª posição da geral, nono entre as Open e terceiro entre os estreantes. Com dois 16º lugares Laverty ainda não pontuou, mas a PBM ocupa a sétima posição na tabela de construtores e 13º na de equipas.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™