Lorenzo: "Ainda espero dar um último grande salto de qualidade como piloto"

Quarta, 30 Abril 2014

O espanhol deu no início da temporada – antes da primeira corrida no Qatar – uma longa e interessante entrevista à revista “ICON” do El País, publicada no fim‑de‑semana passado. Resumimos aqui algumas das suas considerações sobre aspectos desportivos e pessoais.

O Campeão do Mundo de MotoGP™ de 2010 e 2012 atinge este fim‑de‑semana um marco muito especial na carreira: 200 Grandes Prémios. Neste domingo celebra também o 27º aniversário. Ele vai passar a ser o mais jovem na história do Mundial a atingir o marco de duas centenas de corridas no Campeonato do Mundo. Na entrevista publicada pela ICON, Jorge Lorenzo fala destes marcos… e de muitos outros temas.
 
Após quase 200 corridas nas três categorias, Lorenzo tem bem claro por quais gostaria de ser recordado: “A do circuito de Phillip Island de 2007. Nesse dia rocei o melhor nível, não digo a perfeição porque isso é impossível. As sensações na moto não podia ser melhores, dava uns segundos por volta aos demais. Tudo parecia fácil, mas as corridas seguintes fizeram-me recordar que quase nunca é assim. Lembro-me também da dupla ultrapassagem por fora que fiz ao Casey Stoner e ao Dani Pedrosa, então os meus principais rivais há anos, naquela curva no Brasil. Senti-me superior e pensei que era o momento de tentar uma loucura.”
 
O piloto da Movistar Yamaha MotoGP fala também das suas qualidades e defeitos pessoais. Opina que a determinação é uma das qualidades que o definem, bem como o seu carácter forte: “Desde pequeno que tenho ideias muito claras. E a força… tenho um carácter forte, sempre o tive. Tratei de melhorar isso um pouco para que não me vejam como uma pessoa agressiva, arrogante ou irritada com o mundo.”
 
E reconhece: “Prejudiquei-me com algum observação pontual fora de ton, um momento mais quente, falta-me diplomacia. Mas creio que ultimamente fiz progressos nesse aspecto. Tento identificar as qualidades positivas das pessoas que me rodeiam e copiá-las. Há que ser humilde para o fazer. Se não tens essa humildade é impossível evoluir como fiz nestes anos.”
 
Protagonista de uma carreira marcada desde o início pela precocidade, Lorenzo reconhece que está a caminho de se tornar num veterano: “Isso é claro, mas penso que é a verdade. Ainda espero dar um último grande salto qualitativo e chegar a um nível superior como piloto. Mas a realidade do meu desporto diz-me que aos 26 se atinge o pico, onde é normal que nos mantenhamos uns anos, e depois começas a cair.”
 
E sobre as vantagens da juventude numa competição tão exigente como o MotoGP diz: “Quando és jovem tens mais coragem, tens mais vontade e estás disposto a assumir mais riscos. Isso pode dar-te uma ligeira vantagem em situações limite, mas também tendes a tomar decisões piores e cais muito mais. Julgo que estou perto do ponto óptimo entre juventude e experiência, mas se me derem a escolher prefiro a experiência e tudo o que ela nos ensina.”
 
“É certo que tantos anos de exigência física te tiram um pouco a vontade dos 15, ou dos 20 anos. O desafio é encontrar a motivação para continuar a treinar duro e manter esse ponto de loucura que por vezes, muito poucas vezes, te dá essa velocidade extra para fazer a volta mais rápida, ou ultrapassar na última curva. Mas, de forma geral, prefiro ser veterano, mais calmo e prudente,” define depois de subscrever que agora é melhor piloto que quando ganhou o primeiro ceptro Mundial de MotoGP™ em 2010.
 
Tendo enfrentado rivais fortes e de muito talento ao longo dos 12 anos no Campeonato do Mundo – alguns deles a terem subido de categoria como ele e outros a serem actuais rivais na categoria rainha – Lorenzo responde com a sua tradicional frontalidade quando questionado sobre se os rivais do presente o fazem maior…
 
“Só se os conseguires bater. Se lutas contra rivais formidáveis e és sempre batido, ninguém se recordará de ti porque o desporto é assim e o segundo é o primeiro dos vencidos.”

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™