Márquez em missão de aumentar as vitórias

Marquez mission to extend winning streak
Terça, 29 Abril 2014

O Campeão do Mundo Marc Márquez viaja desde a Argentina para o Sul de Espanha com uma missão em mente: aumentar a sequência de vitórias no que é já um excelente início de defesa do ceptro.

O jovem de 21 anos da Repsol Honda dominou a visita ao circuito de Termas de Río Hondo de início a fim, assinando a terceira vitória consecutiva e mantendo o recorde de 100% em 2014 antes de rumar a Jerez. O Grande Prémio bwin de Espanha é a primeira jornada da temporada em solo europeu e o primeiro de uma série de seis GPs no “Velho Continente”.

Jerez é a pista preferida de Dani Pedrosa, que venceu a corrida do ano passado desde o segundo posto da grelha e tem sido um nome habitual no pódio no circuito. Ele quererá ir atrás de Márquez e reduzir os 19 pontos de diferença entre ambos na geral – isto depois de ter estado no pódio nas três provas já disputadas.

Para Jorge Lorenzo, da Movistar Yamaha MotoGP, a Argentina representou o regresso à boa forma com sólido terceiro lugar e o Campeão do Mundo de MotoGP™ de 2010 e 2012 vai também tentar lutar pelo triunfo na quarta ronda. Lorenzo, é claro, dá o nome a uma das curvas de Jerez e deverá ter muito apoio do público da casa.

O seu colega de equipa, Valentino Rossi, é terceiro da geral depois do quarto lugar na Argentina. Rossi também foi quarto em Jerez noa no passado, mas conta com fantástico conjunto de resultados no traçado e deverá dar tudo par voltar a terminar no pódio, o que seria uma estreia desde 2010.

O compatriota de Rossi, Andrea Dovizioso, chega a Jerez com o objectivo de dar continuidade ao primeiro pódio com a Ducati em Austin, isto depois de ter caído para nono na corrida da Argentina. Dovizioso vai voltar a contar com a companhia de Cal Crutchlow na box da Ducati Team depois do britânico ter falhado a terceira jornada devido à lesão contraída no dedo no Texas.

O melhor piloto Ducati na América do Sul foi Andrea Iannone, da Pramac Racing, com o sexto lugar – o melhor resultado na categoria rainha até à data. O jovem italiano ocupa o quinto posto da geral após forte início de ano.

Stefan Bradl (LCR Honda) recuperou da desistência no Qatar com um resultado nos cinco primeiros, enquanto a dupla da Monster Yamaha Tech 3, Bradley Smith e Pol Espargaró, vai tentar subir entre os dez primeiros no regresso das corridas à Europa.

Já Álvaro Baustista (GO&FUN Honda Gresini) estará sob pressão após três desistências consecutivas, enquanto o seu colega de equipa e estreante Scott Redding já terminou nos pontos por duas vezes com a Honda RCV1000R Open.

Aleix Espargaró (NGM Forward Racing) continua a ser o melhor classificado da geral no que toca à armada Open, isto apesar da queda na Argentina, enquanto Hiroshi Aoyama (Drive M7 Aspar) foi o melhor classificado da categoria na corrida de domingo, mesmo à frente do colega de equipa Nicky Hayden.

Mais atrás na tabela de pontos surgem Yonny Hernández (Energy T.I. Pramac Racing), Karel Abraham (Cardion AB Motoracing), Colin Edwards (NGM Forward Racing) e Danilo Petrucci (IodaRacing Project), todos eles em busca de resultados positivos em Jerez, tal como a dupla da Paul Bird Motorsport, Michael Laverty e Broc Parkes, e como os homens da Avintia Racing, Héctor Barberá e Mike Di Meglio.

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™