Mike Webb e as possíveis modificações nas pistas de Barcelona e da Alemanha

Mike Webb on possible Catalunya/Germany track changes
Segunda, 16 Junho 2014

Durante o teste pós-corrida de MotoGP™ no Circuito de Barcelona-Catalunha o Director de Corrida Mike Webb comentou possíveis alterações aos traçados do último Grande Prémio, bem como ao de Sachsenring, na Alemanha.

Conforme o teste de Barcelona começou na manhã de segunda-feira os pilotos tiveram 30 minutos para avaliarem uma versão mais curta da Curva 10 que foi introduzida em 2004 com o objectivo de criar mais oportunidades de ultrapassagem para a F1.
 
“Foi uma ideia que surgiu da Comissão de Segurança de pilotos e da reunião que temos à sexta-feira em todas as corridas, quando discutimos tudo o que tem a ver com segurança e com o circuito,” explicou Webb ao motogp.com. “A entrada na Curva 10 aqui é a alta velocidade e não há forma de extender a escapatória porque não há espaço no circuito para isso. Uma das alternativas propostas foi usar o traçado da F1, que tem uma Curva 10 mais apertada e a travagem mais cedo na recta – assim, mais lenta. Por isso, foi sugerido que testássemos a configuração para vermos se funciona para as motos, para melhorar a segurança.”
 
“Vamos ter uma reunião com todos os pilotos, com a Direcção de Corrida e discutir tudo em profundidade. As impressões iniciais, só de falar com os pilotos mal saíram das motos, é mais ou menos 50/50. Todos concordam que a escapatória mais longa é claramente mais segura. Há um ou dois comentários, com a natureza da curva, podem surgir mais incidentes de pilotos a tocarem-se; torna-se uma entrada muito larga para uma curva muito lenta e há uma série de linhas diferentes disponíveis, o que ode levar a que tenhamos dois pilotos a usarem trajectórias diferentes e tocarem-se. Assim, temos prós e contras e de momento há uma divisão de mais ou menos 50/50.”
 
“Ainda é muito cedo para dizer o que deverá acontecer. O que se passa é que este circuito já tem uma alternativa – é uma configuração muito usada, do ponto de vista da infra-estrutura não há qualquer problema; pode funcionar. Por outro lado, só necessitaria do acordo da larga maioria dos pilotos – e nossa enquanto organizadores – de que é claramente mais segura e exequível. É relativamente fácil de implementar porque já lá está, não há que construir nada de novo.”
 
Webb também confirmou que haverá um teste na quinta-feira do Grande Prémio da Alemanha, dentro de duas jornadas, para avaliar a questão da Curva 11.
 
“O teste tem lugar na quinta-feira antes do Grande Prémio da Alemanha,” disse. “Tivemos um primeiro teste no final do ano passado. É a Curva 10, uma direita muito rápida onde temos tido vários acidentes ao longo dos anos. Já discutimos muitas vezes a forma de melhorar a segurança dessa curva; tornar a curva mais lenta foi a sugestão dos pilotos, pelo que fizemos um ensaio no ano passado com o Loris Capirossi usando um corrector temporário para alterar a configuração da curva e torná-la mais lenta. Teve sucesso, mas para termos uma aprovação final queremos que os pilotos os pilotos avaliem a possibilidade da configuração.”
 
“O que vamos fazer é colocar correctores temporários na quinta-feira e eleger três pilotos – um Honda, um Yamaha e um Ducati – para rodarem e dizerem se acham que o traçado fica melhor, se é mais seguro e se há problemas associados. Será informação para o futuro; não teremos tempo para alterar o circuito para o GP deste ano, mas se o teste correr bem, então teremos tempo para implementar as alterações para o ano seguinte.”
 
Questionado sobre se alguma alteração à Curva 11 de Sachsenring obrigaria à utilização de correctores temporários, ou alterações mais permanentes, Webb explicou:
 
“A possibilidade de usar correctores temporários existe; fazemos isso noutros circuitos, como em Indianápolis, mas se pudermos evitar correctores temporários ficamos mais contentes. Vai resumir-se à exequibilidade técnica por parte do circuito. Podem eles, com o piso disponível – o que está por baixo da pista, etc – alterar a configuração de forma permanente, ou tem de ficar como está e usar correctores temporários? É uma questão técnica do que é verdadeiramente possível, pelo que vamos discutir isso com o circuito assim que tivermos uma decisão quanto ao que o traçado tem de ser.”
 
A jornada alemã do campeonato, a nona, tem lugar a 13 de Julho.
TAGS Catalunya

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
MotoGP VIP VILLAGE™