Smith e Monster Yamaha Tech3 continuam juntos em 2015

Quarta, 13 Agosto 2014

A Monster Yamaha Tech3 tem o prazer de anunciar que o actual piloto britânico Bradley Smith vai continuar com a formação gaulesa na próxima época fruto do contrato de um ano assinado para competir no MotoGP™ aos comandos de uma Yamaha YZR-M1.

Smith, de 23 anos, juntou-se à equipa em 2011 para se estrear na Moto2™ com a Mistral 610 desenhada e construída pela própria formação, isto depois de ter ganho corridas nas 125cc. Após dois anos na Moto2™ e com alguns resultados memoráveis, como a luta pelo soberbo segundo posto em casa em Suiilverstone em 2011 depois de ter partido de 28º da grelha, Smith passou para a Monster Yamaha Tech3 MotoGP em 2013.
 
Ele teve um ano de estreia bem sucedido na categoria rainha, incluindo três sextos lugares e está agora a levar a cabo a segunda temporada na categoria rainha, tendo já garantido uma qualificação na primeira linha da grelha na ronda de abertura da época no Qatar. O britânico vai agora continuar com a Monster Yamaha Tech3 para um quinto ano com a formação em 2015, campanha onde vai voltar a lutar pela liderança entre os pilotos satélite do MotoGP™.
 
Smith comentou: “É difícil explicar exactamente como me sinto neste momento, mas estou muito grato à Yamaha e ao Hervé (Poncharal), bem como a toda a Monster Yamaha Tech3 Team por acreditarem em mim e me permitirem continuar a rodar aqui por mais um ano. Gosto mesmo muito de trabalhar com esta equipa, bem como com a Yamaha YZR-M1 e é uma loucura pensar que será já o quinto ano juntos; parece que é o segundo!”
 
“Foi uma grande emoção assinar outra vez, pelo que estou muito contente com o resultado. Também é psicologicamente importante ter o próximo ano resolvido a meio desta época. Para mim agora é tempo de começar a mostrar todo o meu potencial, algo que creio ainda não se ter visto.”
 
O Director Desportivo Hervé Poncharal acrescentou: “Estou muito contente por anuncia que o Bradley Smith vai continuar com a Monster Yamaha Tech3 por mais um ano. Conhecemo-nos bem, ele é parte da família, este será o quinto ano a trabalharmos juntos e ele vai passar a ser o segundo piloto com mais longevidade na nossa formação, depois do Olivier Jacque.”
 
“Este ano não tem sido fácil para ele devido às grandes expectativas depois dos teste de Inverno e da primeira corrida no Qatar. Mas ele nunca desiste, pelou que em conjunto com a Yamaha e a Tech3 acreditamos que ele é a melhor escolha em termos de piloto para 2015.”

Vídeos:

Ver todos os vídeos deste evento

Fotos:

Abrir mais notícias

Últimas notícias

  • MotoGP™
  • Moto2™
  • Moto3™
Publicidade
Paddock Girls MotoGP VIP VILLAGE™