Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Chaz Davies na senda do sucesso em 2004

Chaz Davies na senda do sucesso em 2004

Chaz Davies na senda do sucesso em 2004

Chaz Davies admite que espera que a sua terceira época no Campeonato do Mundo seja a mais difícil até agora, com a entrada de novos pilotos para a classe de 250cc a fazer com que 2004 seja uma das campanhas mais competitivas de sempre. A esperança britânica das quarto de litro celebrou o seu décimo sétimo aniversário em casa, no País de Gales, na semana passada, e revelou que terá de demostrar a sua maturidade na pista esta época, na medida em que espera estabelecer uma reputação ao mais alto nível.

"Penso que tecnicamente estamos a falar de um pacote muito similar ao do ano passado, embora devamos ter o kit de 2004 igual ao dos restantes pilotos privados", comentou o piloto alemão da Aprilia. "Isto quer dizer que terei de ser eu a fazer a diferença e a estar no meu melhor. Com pilotos como Alex De Angelis, Dani Pedrosa e Hiroshi Aoyama a entrarem no campeonato em equipas de fábrica e pilotos experientes de 125cc como Arnaud Vincent e Gino Borsoi a subirem às 250cc, penso que será uma época muito mais equilibrada do que a de 2003 e terei de ser eu a responder ao desafio."

A preparação de Davies para a nova época dificilmente pode ser considerada como a ideal, faltando ainda realizar testes, enquanto a maioria dos pilotos de fábrica e diversos privados têm estado ocupados em intenso trabalho de desenvolvimento desde antes do Natal. Contudo, este jovem optimista recusa-se a dar-se por vencido com esta situação, mostrando-se ansioso pela sua sessão de pré-temporada dentro de algumas semanas.

"Tudo apontava para testarmos em Jerez esta semana mas foi cancelado devido a trabalhos que estão a ser realizados no circuito. Assim terei que esperar pelo fim do mês. Iremos estar no Estoril dos dias 27 e 28 de Fevereiro e Valência a 6 e 7 de Março. É um pouco frustrante ter de esperar mas ao mesmo tempo estou bastante satisfeito porque, desta forma, visitaremos duas pistas em de vez de apenas uma. Algo que é, definitivamente, bom para mim."

Não obstante estes contratempos com o calendário de testes da equipa, o jovem tem encontrado muita com que se manter ocupado, enquanto conta os dias para voltar a pilotar a mota. "Na semana passada fiz o exame teórico de condução, tendo conseguido 100 por cento das respostas correctas. Tenho a parte prática na próxima semana. Estou ansioso", comentou.

"Acabei também de comprar uma Yamaha 450 de motocross com a qual estou a realizar uma série de treinos. Também tenho feito muita montanha. Estava a realizar muito exercício físico, nomeadamente corrida mas o médico aconselhou-me a alongar os tendões dos braços. Para tal, fui aconselhado a pilotar o mais possível. Também tenho ajudado o meu pai na pista de kart que gerimos e como tal nunca sinto que tenho tempo livre. No entanto, parece-me tempo a mais desde a última corrida de 2003 em Valência. Por isso estou desesperado para voltar a pilotar a mota."

Tags:
250cc, 2003

Outras actualizações que o podem interessar ›