Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Chuva estraga ultimo dia de testes em Jerez

Chuva estraga ultimo dia de testes em Jerez

Chuva estraga ultimo dia de testes em Jerez

O derradeiro dia de testes das equipas do Campeonato do Mundo de MotoGP foi um verdadeiro fiasco com a forte chuva a fazer-se sentir durante todo o dia no Circuito de Jerez, no Sul de Espanha. Depois de terem perdido grande parte do dia de ontem devido ao excesso de água na pista, os pilotos esperavam que as previsões para hoje estivessem erradas de forma a poderem tirar partido das últimas horas de testes. Contudo, as nuvens de tempestade voltaram a juntar-se, o que levou a que as poucas voltas efectuadas tivessem lugar sob chuva e numa pista alagada.

Com o arranque a temporada a ter lugar dentro de duas semanas e meia e com os contentores para a primeira prova da época na África do Sul a serem despachados a partir do Sul de Espanha nos próximos dias, esta foi a última oportunidade para as equipas levarem a cabo os derradeiros trabalhos. A maioria dos pilotos optou por rodar com pista molhada, mas foram vários os que optaram por ficar nas "motorhomes" ou nas unidades reservadas à recepção de convidados e membros das equipas.

Ruben Xaus foi o piloto mais rápido durante a manhã, efectuando um tempo de 1m54,907s numa altura em que a chuva cessou e o espanhol aproveitou para levar a cabo um bom número de voltas, habituando-se, assim, ao comportamento da sua Ducati Desmosedici em piso molhado. Contudo, durante a tarde Max Biaggi bateu Xaus num conjunto de voltas rápidas levadas a cabo em mais um intervalo proporcionado pela chuva.

"Fui para a pista para melhorar a minha confiança no novo chassis," adiantou o antigo Campeão do Mundo de 250cc. "É claro que com estas condições não conseguimos andar tão rápido, nem recolher grandes dados, mas acabámos por conseguir reduzir alguns dos problemas que havíamos detectado na moto e isso é sempre benéfico. Fizemos um bom trabalho hoje. Estou ansioso pelo início da temporada na África do Sul, há muitos pilotos que estão competitivos e será uma grande corrida," referiu o piloto da Honda depois de estabelecer a marca de 1m53,834s.

Biaggi e o seu companheiro de equipa Nicky Hayden foram os pilotos a completar o maior número de voltas. O italiano efectuou 39, enquanto o americano natural do Kentucky fez 43 voltas, onde se incluiu uma pequena queda. Norick Abe e Rubens Xaus também tiveram contactos directos com o solo, enquanto o Campeão do Mundo de MotoGP, Valentino Rossi, conheceu melhor as escapatórias do traço. Contudo, e como é habito, Rossi não chegou a cair, continuando a sua volta para depois estabelecer o seu melhor tempo em 2m00,997s. O italiano foi o 10º do dia, mas o crono estabelecido ontem à tarde foi o suficiente para garantir o primeiro lugar da tabela de tempos de todo o teste.

Os Testes Oficiais de MotoGP chegam assim ao fim, sendo o próximo embate entre todos os pilotos o betanwin.com Grande Prémio da África do Sul, em Welkom, primeira jornada do Campeonato do Mundo de MotoGP.

Tempos oficiais fornecidos pelo Circuito de Jerez

1. M. Biaggi (Honda); 1'53.834 - 39 voltas
2. R. Xaus (Ducati); 1'54.907 – 29 voltas
3. T. Bayliss (Ducati); 1'55.017 - 30 voltas
4. A. Barros (Honda); 1'55.544 – 13 voltas
5. N. Hayden (Honda); 1'58.695 - 43 voltas
6. K. Roberts (Suzuki); 1'58.751 – 7 voltas
7. M. Melandri (Yamaha); 1'59.117 - 36 voltas
8. V. Guareschi (Ducati); 1'59.783 – 24 voltas
9. C. Checa (Yamaha); 2'00.147 - 17 voltas
10. V. Rossi (Yamaha); 2'00.997 - 19 voltas
11. L. Capirossi (Ducati); 2'01.138 – 13 voltas
12. M. Tamada (Honda); 2'02.138 – 20 voltas
13. N. Abe (Yamaha); 2'02.240 – 13 voltas
14. G. Lavilla (Suzuki); 2'03.219 – 9 voltas
15. J. Hopkins (Suzuki); 2'08.494 – 13 voltas.

Tags:
MotoGP, 2004

Outras actualizações que o podem interessar ›