Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Stoner ombreando com a dor

Stoner ombreando com a dor

Stoner ombreando com a dor

Casey Stoner lutará para ultrapassar a dor em Mugello este fim-de-semana, ao não estar ainda totalmente recuperado da lesão no ombro que sofreu num acidente durante os treinos em Le Mans. O jovem australiano despendeu as últimas três semanas em tratamentos numa clínica especializada na Áustria, mas admite que ainda não está a 100%.

"O ombro ainda está muito dorido e os médicos dizem que ainda demorará seis semanas para que a lesão esteja completamente ultrapassada", comentou Stoner, que obteve a pole em Mugello no ano passado.

"Estou a tomar anti-inflamatórios a juntar ao tratamento magnético e isso tem ajudado imenso, ainda que me tenha sentido mal assim que os deixei de tomar. Tomarei parte na acção na sexta-feira e verei como vão correr as coisas, mas certamente não estarei na minha máxima força."

O infortúnio de Stoner continuou esta semana quando a motorhome se estragou a caminho de Mugello. O jovem acrescentou que espera poder virar o sentido dos recentes acontecimentos já este fim-de-semana.

"Típico! Tive uma série de azares também no ano passado quando parti o escafóide e a clavícula nesta mesma altura", disse o piloto da KTM, que ocupa a terceira posição no campeonato. "Na verdade magoei o escafóide outra vez em Le Mans e sinto que está muito vulnerável, daí que tudo farei para não ter outro acidente que agrave as lesões.

"A questão da motorhome é a gota que transborda o copo. No entanto, quero ter um pensamento positivo e ficar concentrado porque esta é uma altura muito importante da temporada. Quero ter boas prestações nas próximas corridas para não perder o contacto com o Dovizioso e Locatelli."

Tags:
125cc, 2004, GRAN PREMIO CINZANO D'ITALIA, Casey Stoner

Outras actualizações que o podem interessar ›