Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Porto vence por entre alguma controvérsia

Porto vence por entre alguma controvérsia

Porto vence por entre alguma controvérsia

A entrada em acção do MotoGP foi antecedida de alguma controvérsia na prova de 250cc que foi ganha por Sebastian Porto depois de alguns pedidos para interrupção da corrida devido à chuva. As primeiras gotas fizeram-se sentir ao cabo de algumas voltas à pista, altura em que Dani Pedrosa se tinha acabado de juntar ao grupo da frente vindo da 13ª posição da grelha de partida, sendo um dos vários pilotos a levantar a mão em sinal de protesto.

Sem bandeira vermelha à vista Porto tentou a sorte e tentou escapar sendo travado por Pedrosa, Alex de Angelis e Randy De Puniet algumas voltas mais tarde. Pedrosa encetou então o seu ataque antes do regresso da chuva por uma segunda vez, sendo a aparente causa da queda de De Angelis e proporcionando mais um ataque de Porto.

Mais uma vez, não houve bandeiras vermelhas e Pedrosa só pode ficar a ver Porto e De Puniet a passarem por si, garantindo o 1º e 0 2º lugar para Aprilia que assim celebrou a 100ª vitória na classe. O terceiro lugar de Pedrosa significa que o piloto Honda lidera a classificação com 30 pontos de vantagem sobre De Puniet, com Porto a mais 13 pontos de distância.

Ant West voltou a ser o melhor privado, batendo o piloto Honda de fábrica Toni Elias perto do final num ataque que lhe permitiu levar a Aprilia ao quarto lugar. Elias foi seguido dos seus companheiros de fábrica Roby Rolfo e Hiroshi Aoyama, enquanto Chaz Davies obteve o melhor resultado da sua carreira até ao momento com o oitavo posto.

No final da corrida ainda houve mais controvérsia quando Fonsi Nieto, que havia caído na 11ª volta quando rodava em 11º, foi multado em 5.000 dólares pela Direcção de Corrida por tirar uma bandeira das mãos dos comissários e agitá-la ao pé da pista.

Tags:
250cc, 2004, GAULOISES GRAND PRIX ČESKÉ REPUBLIKY, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›