Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Tamada termina vitorioso numa dramática corrida em Motegi

Tamada termina vitorioso numa dramática corrida em Motegi

Tamada termina vitorioso numa dramática corrida em Motegi

Makoto Tamada obteve uma clara vitória no Grande Prémio do seu País, naquela que foi uma dramática corrida em que seis pilotos sofreram um acidente logo na primeira curva. O detentor da pole, Tamada, arrancou mal mas saiu incólume do acidente onde John Hopkins, que seguia Valentino Rossi na entrada para a primeira curva em segundo lugar, foi varrido para fora da pista por Loris Capirossi tendo ambos deslizado na pista. Colin Edwards e Max Biaggi nada podiam fazer para evitar o acidente e foram igualmente empurrados para a gravilha, logo seguidos por Kenny Roberts e Nicky Hayden.

A vantagem que Rossi conseguiu foi imediatamente recuperada por Tamada que perseguiu o italiano nos instantes iniciais da corrida, tendo levado a cabo o seu ataque na volta seis. Aí, assumiu a liderança para delírio dos mais de 67 mil espectadores. O par seguiu em frente durante o resto da prova, mas Rossi foi incapaz de acompanhar o frenético ritmo que Tamada impôs nas voltas finais e teve de se contentar com o segundo lugar.

O incidente na primeira curva permitiu que Marco Melandri se colocasse em terceiro lugar até à 18ª volta, altura em que Shinya Nakano coroou uma incrível corrida para a Kawasaki ao ultrapassar o italiano e terminar no terceiro lugar – primeiro pódio da Kawasaki em MotoGP. Melandri, a realizar o seu centésimo Grande Prémio, sofreu nos instantes finais da prova com o calor e humidade que se faziam sentir e foi ultrapassado por Alex Barros, que subiu a quarto com apenas quatro voltas para terminar, já depois de Troy Bayliss sofrer uma queda.

Enquanto que Melandri igualava o quinto posto obtido no ano passado, Sete Gibernau estará desapontado com o sexto lugar obtido. Um resultado que o deixa a 39 pontos de Rossi no topo da classificação. Carlos Checa recuperou o sétimo posto depois de sair ligeiramente de pista, enquanto que Neil Hodgson terminou em oitavo, conseguindo assim o seu melhor resultado da época.

Hodgson foi seguido na linha de meta pelo seu companheiro de equipa na Ducati Ruben Xaus, enquanto que Alex Homan completou um dia perfeito para a Kawasaki ao obter um lugar entre os dez primeiros. Olivier Jacque arrecadou quatro pontos para a Moriwaki neste seu regresso a MotoGP, enquanto que Shane Byrne lutou contra a dor – deslocou o pulso há três semanas - para terminar um lugar atrás do seu companheiro de equipa, Jeremy McWilliams em 14º lugar. Youichi Ui encerrou os pontos nesta que foi a sua estreia em MotoGP aos comandos de uma WCM.

Tags:
MotoGP, 2004, CAMEL GRAND PRIX OF JAPAN, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›