Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi procura outro recorde

Rossi procura outro recorde

Rossi procura outro recorde

O conquistador de recordes Valentino Rossi segue para o Qatar este fim-de-semana com a história em mente uma vez mais na medida em que espera consolidar a sua liderança no Campeonato do Mundo de MotoGP. Depois de ter perdido a sua sétima vitória da temporada para Makoto Tamada em Motegi, uma vitória no Circuito Internacional de Losail dará a Rossi a hipótese de igualar o recorde de Eddie Lawson e de Wayne Rainey de vitórias numa só época com a Yamaha.

Não obstante efectuar cada um dos 12 circuitos já disputados pela primeira vez com a sua YZR-M1, Rossi já obteve seis vitórias e quatro pole positions e está confiante numa outra boa prestação este fim-de-semana que faça esquecer o relativo desapontamento que foi o segundo lugar no Japão.

"A moto estava muito bem em Motegi", diz Rossi. "Houve alguns problemas mais para o fim da prova e pensei que seria melhor aguentar o segundo lugar e amealhar os preciosos pontos do que forçar o ritmo e arriscar uma queda.

"De todas as formas o Tamada estava muito forte e não penso que fosse possível conseguir ultrapassá-lo. Precisamos de continuar ao mesmo nível durante o restante da temporada, bem como concentrados em conseguir bons resultados nas quatro corridas que faltam disputar."

O Circuito Internacional de Losail, perto da capital Doha, já está na imaginação de Rossi. "Estou ansioso para que chegue o Qatar. Estou à espera de uma hipótese como esta há muito tempo", disse Rossi.

"Há muito tempo que não vamos a uma pista nova. Pelo menos uma que é nova para toda a gente. Será com certeza a hipótese de vermos quem é realmente o melhor piloto, já que faremos diferentes trajectórias numa superfície completamente nova. Deverá estar muito calor e será difícil conseguir fazer a corrida em condições tão difíceis."

Rossi já viu o novo palco de MotoGP e está impressionado com o trabalho feito. "Já visitei o circuito de Losail para a cerimónia da fundação em Dezembro", afirmou Rossi. "Parece ser um bom local e só espero que possa proporcionar bons momentos de competição. Espero que muita gente nos vá ver.

"Em certa medida é igual a todas as outras corridas já que em todas temos de encontrar uma afinação nova. Parece que somos bons a conseguir tirar o melhor partido da M1 em pouco tempo. Penso que existem qualquer coisa como 15 curvas no circuito do Qatar, mais do que na maioria dos circuitos, e isso pode ser interessante."

Tags:
MotoGP, 2004, MARLBORO GRAND PRIX OF QATAR, Valentino Rossi

Outras actualizações que o podem interessar ›