Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Burgess celebrou 10º título

Burgess celebrou 10º título

Burgess celebrou 10º título

Jeremy Byrgess celebrou o seu décimo título de Campeão do Mundo de MotoGP enquanto chefe de mecânicos em casa no passado domingo. O técnico australiano guiou Wayne Gardner ao sucesso na categoria rainha em 1987, ainda antes de ajudar Mick Doohan a dominar a década de 90 e de supervisionar a ascensão de Valentino Rossi desde 2001.

Burgess quebrou a relação de mais de 20 anos com a Honda para se juntar ao italiano na Yamaha e, aos olhos de muitos especialistas do paddock, tem tanta responsabilidade no sucesso da marca dos três diapasões como Rossi.

"O objectivo era o campeonato e conseguimo-lo", disse Burgess com satisfação no domingo à noite. "Tomámos a decisão de mudar a moto e correr com pneus mais duros depois do warm up. Creio que a vitória justificou as alterações".

"Penso que temos de almejar sempre o triunfo, mas temos de ganhar corridas suficientes para arrecadar o título. Atacámo-lo corrida a corrida e tem sido um ano muito bom".

Davide Brivio, Director da Gauloises Fortuna Yamaha, também se mostrou contente com o feito, principalmente de ter sido um dos grandes responsáveis pela mudança de Rossi da Honda para a Yamaha no final da última temporada.

"É um sonho tornado realidade para nós", disse Brivio. "É como um filme com o melhor argumento de sempre. Se fossemos nós a escrever o guião não o teríamos feito nem melhor, nem mais emocionante".

"Foi um trabalho difícil para os nossos engenheiros e a Yamaha correu grande risco ao apoiar o Valentino na revalidação do título. Mas ao mesmo tempo foi também uma grande motivação para todos e os nossos engenheiros estavam à espera da oportunidade para mostrarem o seu potencial".

Tags:
MotoGP, 2004, CINZANO AUSTRALIAN GRAND PRIX

Outras actualizações que o podem interessar ›