Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Pedrosa regressa a casa com recepção de herói

Pedrosa regressa a casa com recepção de herói

Pedrosa regressa a casa com recepção de herói

Dani Pedrosa foi recebido como um herói no seu regresso a Espanha na terça-feira, depois de uma viagem de 28 horas desde a Austrália. O aeroporto El Prat em Barcelona pintou-se de azul para receber o novo Campeão do Mundo de 250cc. Eram 500 fãs e 100 jornalistas, a maior parte dos quais vestidos a rigor com as cores da equipa Telefónica Movistar Honda.

Uma cena completamente antagónica ao que se passou o ano passado, quando Pedrosa regressou a casa na qualidade de Campeão do Mundo de 125cc numa cadeira de rodas depois de fracturar ambos os tornozelos em Phillip Island, tendo sido imediatamente conduzido a um hospital.

"É muito diferente este ano, porque no ano passado não consegui comemorar nada", disse um claramente emocionado Pedrosa.

"Sempre dissemos que primeiramente tínhamos de aprender, e que tudo o resto era um erro. Comecei a vencer corridas mas mantive a concentração no facto de teria ainda muito que aprender. Isso fez com que ficássemos no topo." Pedrosa continuará nas 250cc para defender o seu título na próxima temporada, mas ainda ontem comentou que espera poder testar a moto que a Honda utiliza em MotoGP, avivando rumores que dão conta que deverá experimentar a RC211V num teste privado em Valência, em Novembro.

"Agora mesmo o que quero fazer é desfrutar deste momento com a família, porque quero dizer-lhes como foi tudo na Austrália e descobrir como foi para eles aqui", acrescentou Pedrosa momentos antes de começar a chorar.

Do aeroporto, o grupo dirigiu-se para a cidade natal de Pedrosa, Castellar del Vallès, com o piloto e a sua família a chegarem num autocarro descapotável a uma cerimónia oficial na Câmara Municipal. "Sabíamos que as pessoas dairiam à rua para saudar Pedrosa. Estamos realmente satisfeitos", disse o presidente da Câmara, Montse Gatell.

Lá fora, cerca de 1500 motociclistas, que testemunharam a vitória de Pedrosa na Austrália num ecrã gigante na praça principal da cidade, realizaram acrobacias e cantaram para o seu herói numa festa que durou até altas horas da madrugada.

Tags:
250cc, 2004, CINZANO AUSTRALIAN GRAND PRIX, Dani Pedrosa

Outras actualizações que o podem interessar ›