Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Xaus esperançado quanto ao futuro

Xaus esperançado quanto ao futuro

Xaus esperançado quanto ao futuro

Ruben Xaus diz-se optimista quanto à possibilidade de continuar no Campeonato do Mundo de MotoGP na próxima temporada apesar de ainda não ter assinado contrato com qualquer equipa. O espanhol foi o Melhor Estreante do Ano, batendo Alex Hofmann e Shane Byrne em 2004 e acredita que fez o suficiente para merecer um contrato.

"Fizemos boas corridas durante a época, por isso creio que tenho de estar satisfeito porque foi um ano muito difícil e trabalhámos todos muito", disse Xaus, que tem sido ligado à segunda formação da Yamaha dirigida por Hervé Poncharal. "Espero ter garantido um lugar para mim no campeonato", adiantou ainda.

Xaus caiu na derradeira corrida época, em casa, no passado domingo e como resultado perdeu o décimo posto na tabela de pilotos para Shinya Nakano. Contudo, depois de uma temporada assolada por problemas mecânicos, o jovem de 26 anos está satisfeito com o resultado final de 11º.

"Foi uma pena ter caído porque queria dar um bom resultado aos fãs", disse. "Eles são os mais importantes e mereciam-no. Correr em casa e ver a pista cheia é difícil esquecer".

"Estava muito excitando com a possibilidade de terminar o campeonato nos dez primeiros e, apesar do mau arranque, dei o meu melhor para apanhar o Melandri e ultrapassá-lo porque ele era o meu principal rival na classificação de pilotos".

"Mas acabei por cair, e ele também logo depois, por isso o Nakano bateu-nos aos dois. Terminar em 11º não é assim tão mau e, é claro, é o meu número preferido também!"

Tags:
MotoGP, 2004

Outras actualizações que o podem interessar ›