Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Blata e WCM contam estrear V6 em Jerez

Blata e WCM contam estrear V6 em Jerez

Blata e WCM contam estrear V6 em Jerez

A Blata e a WCM afirmam que é sua intenção fazer correr a sua nova Blata V6 na ronda inaugural do campeonato do Mundo de MotoGP que tem lugar em Jerez a 10 de Abril, mesmo que Franco Battaini e James Ellison não possam testar a moto antes dessa altura.

Quando faltam apenas seis semanas para o início da temporada, a Blata ainda está a ser concebida na fábrica da República Checa, mas o engenheiro chefe, Pavel Blata, afirma que o desenvolvimento está a decorrer como planeado.

Todo o projecto está a decorrer conforme o que havia sido planeado em Agosto", disse Blata. "Iremos utilizar duas motos protótipo na primeira corrida a ter lugar em Jerez, em Espanha."

"Neste momento todos os estudos e cálculos, por exemplo força e durabilidade, cálculo da distribuição do peso na moto, análise da transmissão e do quadro, já foram completados. Mais de 60 por cento das peças estão a ser produzidas nas nossas empresas."

Blata explicou que a engenharia e a produção do protótipo consumiram mito tempo e que daqui para a frente o processo será muito mais rápido. "As ferramentas para a produção que nos levaram muito tempo a conceber e produzir, estão terminadas", acrescentou.

"A produção do motor está a decorrer a bom ritmo e os primeiros testes na mesa de ensaios estão agendados para 10 de Fevereiro. A moto estará completa a 15 de Março. Então passaremos para o desenvolvimento da parte aerodinâmica.

"Os primeiros esboços da Blata V6 MotoGP foram mostrados em Agosto de 2004 em Brno, na República Checa. Desde então já foram efectuadas algumas alterações ao design original.

"A maior alteração é o quadro, que se baseará no tipo Delta box, e o braço oscilante traseiro, que será fabricado a partir de folha de alumínio e secções separadas. O design do escape é igualmente diferente."

A Blata e a WCM celebraram um acordo para cinco anos e o director de corridas da WCM está confiante que o construtor checo de mini-motos consiga ter um pacote competitivo.

"O esforço e empenho que a Blata está a colocar neste projecto é tremendamente impressionante", disse Clifford. "Pegaram num conceito inicial de certa forma básico e desenvolveram-no até conseguirem algo de verdadeiramente entusiasmante. Os progressos pareciam estar a andar devagar se olhados do lado de fora, mas a determinação da Blata de fazer as coisas bem irá trazer dividendos a médio e longo prazo."

Tags:
MotoGP, 2005

Outras actualizações que o podem interessar ›