Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi inicia defesa do título com uma vitória

Rossi inicia defesa do título com uma vitória

Rossi inicia defesa do título com uma vitória

Valentino Rossi iniciou a defesa do título de Campeão do Mundo de MotoGP de forma impressionante hoje em Jerez, ao roubar a vitória ao favorito do público, Sete Gibernau, numa dramática ultrapassagem na última curva da corrida. Após o minuto de silêncio em memória do Papa João Paulo II, Rossi perseguiu Gibernau durante toda a corrida, ultrapassando o espanhol na penúltima volta. Na derradeira volta ao circuito de Jerez, o italiano cometeu um erro, entregando a liderança de volta ao espanhol.

Num final de cortar a respiração, os dois pilotos trocaram de posições nas direitas que antecederam a última esquerda, onde colidiram tendo Rossi forçado a ultrapassagem pelo interior da curva. Gibernau saiu largo chegando mesmo a ir à gravilha, regressando depois à pista para cruzar a linha de meta no segundo posto. O espanhol beneficiou da larga vantagem que os dois pilotos já tinham sobre o terceiro classificado, Marco Melandri em Honda, que assim ocupou o degrau mais baixo do pódio de MotoGP.

"Foi seguramente uma grande corrida, em especial depois dos problemas que tive na manhã," disse Rossi, que havia sofrido uma queda no warm-up e causados danos à sua Yamaha. "O Sete fez uma corrida fantástica, tendo imprimido um ritmo fantástico. Ataquei no final mas cometi um erro na última volta. Depois tocámo-nos na última curva. Sei que o Sete deve estar chateado por causa disso mas as corridas são assim mesmo. Há ainda 16 corridas pela frente e o campeonato será duro."

Melandri obteve o terceiro lugar depois de Nicky Hayden sofrer uma queda e abandonar a apenas oito voltas do final. Uma situação que acabou com as esperanças de um pódio para o americano. Hayden havia sido o único piloto a conseguir acompanhar o ritmo de Rossi e Gibernau durante a corrida. Alex Barros terminou distanciado em quarto depois de uma dura batalha com o piloto da Kawasaki, Shinya Nakano e do seu colega de equipa da Honda, Troy Bayliss, que ficou em sexto na sua estreia com uma moto da marca japonesa.

Max Biaggi conseguiu recuperar da sua pior posição da grelha, 16º, terminando em sétimo e superando assim o seu colega da Honda, Makoto Tamada e a Yamaha de Colin Edwards. Por seu turno, Carlos Checa lutou contra as dores provocadas por lesão no ombro ainda não totalmente recuperada para completar o top 10 no circuito de Jerez com a Ducati.

Tags:
MotoGP, 2005, GRAN PREMIO MARLBORO DE ESPAÑA, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›