Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Chuva regressa para assombrar Le Mans

Chuva regressa para assombrar Le Mans

Chuva regressa para assombrar Le Mans

Depois de ter provocado o caos em Xangai há duas semanas, a chuva regressou para assombrar a primeira qualificação de 250cc esta tarde em Le Mans, criando uma das estranhas grelhas provisórias dos últimos tempos.

No final da sessão desta tarde eram apenas cinco os pilotos qualificados nas 250cc. Como se tal não fosse só por si estranho, os pilotos que costumam andar na frente ficaram bem aquém das expectativas, deixando a pole provisória a um piloto muito fora do comum.

Os únicos pilotos a qualificarem-se foram: Anthony West (1º, Aprilia Alemanha), Arnaud Vincent (2º, Scuderia Fantic Motor GP), Hugo Marchand (3º Campetella Racing), Alex de Angelis (4º, MS Aprilia Italia Corse) e Alex Debon (5º, Honda BQR).

Com resultado tão pouco usual, alguns dos habituais na frente das grelhas de 250cc apresentaram as suas reacções ao primeiro dia molhado de Le Mans.

Dani Pedrosa (Telefonica Movistar Honda): "Choveu a cântaros durante a qualificação e esperámos para ver se parava para podermos completar algumas voltas, mas isso não aconteceu e é muito perigoso rodar nestas condições. Seria muito fácil cair porque havia muitas poças de água e quando vi dois pilotos irem ao chão na recta decidi que não valia a pena o risco porque não estava nada em jogo. Amanhã teremos mesmo de ir para a pista para nos qualificarmos, mas espero que as coisas não estejam como hoje. Dei-me com o piso seco de manhã, testámos alguns pneus e temos ideias bem claras".

Hiroshi Aoyama (Telefonica Movistar Honda): "Foi a loucura completa esta tarde; nunca tinha visto uma qualificação com tanta água. Saí para ver o estado da pista e voltei após quatro voltas porque estava muito perigoso. Também não estou muito contente com os Livres – não me senti confortável na moto como aconteceu no ano passado, mas sabemos porquê e estou certo que amanhã será melhor".

Sebastian Porto (Aspar Team): "A chuva estragou a qualificação. Tínhamos muito trabalho para fazer, mas não conseguíamos rodar. Pensei que a sessão tinha sido cancelada, mas afinal não. Seja como for, preferi não correr riscos. De manhã as coisas correram bem. Esperamos ter mais sorte com o tempo amanhã".

Randy de Puniet (Aspar Team): "Foi uma pena a chuva ter estragado o dia. De manhã pudemos rodar, mas de tarde queríamos testar alguns componentes da moto. Foi impossível por causa do tempo. Amanhã dão chuva outra vez, temos de acreditar que não vamos voltar a sofrer com ela".

Casey Stoner (Carrera Sunglasses – LCR): "Os Livres desta manhã correram bem, rodei com os mesmo pneus de início a fim e os tempos foram bons. A moto estava muito rápida e a afinação excelente, por isso pensei que também podia andar bem na qualificação. Infelizmente começou a chover, por isso falei com amigos durante toda a sessão. Nos últimos minutos as coisas melhoraram, mas não dava tempo para fazer uma volta".

Tags:
250cc, 2005, GRAND PRIX ALICE DE FRANCE, QP1

Outras actualizações que o podem interessar ›