Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Michelin, 30 anos no MotoGP – Parte III

Michelin, 30 anos no MotoGP – Parte III

Michelin, 30 anos no MotoGP – Parte III

Os anos 80 foram um período excepcional no esforço da Michelin no panorama do motociclismo, enquanto a década seguinte confirmou que dominavam por completo as suas inovadoras tecnologias ao arrebatarem mais nove Campeonatos do Mundo. Foi uma época lendária que viu Wayne Rainey (Marlboro Team Roberts Yamaha YSR500), Kevin Schwantz (Lucky Strike Suzuki RGV500), Mick Doohan (Repsol Honda NSR500) e Alex Crivillé (Repsol Honda NSR500) a reclamarem os títulos sucessivamente.

O progresso levado a cabo na última década do século 20 foi mais subtil, mas trouxe enormes melhorias em termos de velocidade. Depois dos ceptros averbados por Rainey e Schwantz, Mike Doohan reclamou cinco coroas consecutivas, estabelecendo novos recordes na categoria rainha. Em Outubro de 96 ofereceu a 200ª vitória à Michelin.

"Entendemo-nos mesmo muito bem com a Michelin", diz Doohan. "Este tipo de confiança é necessário quando temos de entrar para o desconhecido. Antes de tentarmos algo pouco usual os engenheiros diziam-me sempre para ter cuidado quando pensavam que os pneus podiam ter um comportamento estranho. A Michelin, mais que quaisquer outros, tem esta qualidade e consistência".

A quarta e última parte desta série dedicada à Michelin estará disponível amanhã no motogp.com.

Tags:
MotoGP, 2005

Outras actualizações que o podem interessar ›