Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Capirossi e Checa dão resultado histórico à Ducati

Capirossi e Checa dão resultado histórico à Ducati

Capirossi e Checa dão resultado histórico à Ducati

O piloto da Ducati Marlboro Team, Loris Capirossi, fez história no extremamente quente Marlboro Grande Prémio da Malásia de Motociclismo ao reclamar a primeira sequência de duas vitórias consecutivas da marca italiana em MotoGP sete dias depois de vencer o GP do Japão. E o colega de equipa Carlos Checa tornou o marco histórico ainda mais importante ao conquistar o terceiro lugar para aquela que foi a primeira dupla presença da Ducati Marlboro no pódio.

"Tem sido uma semana fantástica!", reconheceu Capirossi, que começou da pole position pela segunda vez consecutiva. "Hoje foi mais difícil que em Motegi, mas a Bridgestone trouxe boa selecção de pneus e trabalhámos muito para entender que o melhor para a corrida. Depois do arranque tentei não usar muito os pneus, queria controlar a corrida. Depois recebi a informação do muro que o Rossi se estava a aproximar e quando se tem o hepta-Campeão do Mundo atrás de nós sabemos que ele vem ao ataque! Fiz o meu melhor, mas ele passou-me e depois fiz grande conjunto de voltas no final. Há 16 anos que corro em GP's, mas ainda tenho muito potencial e quero ganhar mais!"

Carlos Checa foi o mais rápido em pista em várias alturas da corrida quando lutava para recuperar do oitavo posto da primeira volta. O homem da Ducati Marlboro Team foi forçado a abrir na curva um e conseguiu depois trabalhar muito bem para averbar o primeiro pódio com a equipa.
"Sabia que tinha de fazer uma boa largada porque não é fácil passar pessoas a partir da terceira linha", disse Checa. "Mas quando cheguei à primeira curva tive da alargar a trajectória para evitar toques. Isso mudou a corrida totalmente, não foi fácil recuperar, mas estabeleci o meu ritmo e comecei a ver os líderes perderem tempo conforme lutavam entre si. Diverti-me muito com o Nicky, isto apesar de não ser fácil travar tarde quando se roda a 300 km/h! Depois vi o Valentino a lutar. A última curva foi excitante, mas ele defendeu-se bem. Começámos este ano com um novo pacote, foi difícil começar, mas agora estamos a colher os frutos".

Tags:
MotoGP, 2005, MARLBORO MALAYSIAN MOTORCYCLE GRAND PRIX, Loris Capirossi

Outras actualizações que o podem interessar ›