Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Rossi soma a 11ª vitória em Phillip Island

Rossi soma a 11ª vitória em Phillip Island

Rossi soma a 11ª vitória em Phillip Island

Valentino Rossi obteve a sua 11ª vitória da temporada hoje num entusiasmante Polini Australian Grand Prix. Com isto, o italiano estendeu o seu recorde de vitórias em Phillip Island para cinco consecutivas. Rossi Foi pressionado durante toda a corrida por um determinado Nicky Hayden, que liderou a corridas nas primeiras voltas depois de largar da pole position até Rossi assumir o comando. A liderança inicial do italiano durou até meio da prova, e após algumas tentativas para quebrar a resistência de Hayden, Rossi permitiu que o americano reassumisse a dianteira. Contudo, a oito voltas do final, Rossi reassume a liderança abrindo desde logo uma vantagem de um segundo sobre o segundo classificado, vantagem essa que manteve até final. Com isto, Rossi obteve igualmente o título de construtores para a Yamaha, que soma aos de equipas e piloto.

"Tem sido uma temporada fantástica e hoje termos ganho o título de construtores num ano em que a Yamaha celebra o seu 50º aniversário é uma sensação muito boa. Quero dar os parabéns a todos," disse Rossi. "Onze vitórias este ano já é um feito notável e consegui-lo em Phillip Island é muito especial. Já venci muitas corridas aqui, algumas deles muito importantes, e é sem dúvida uma pista mágica para mim – Adoro-a. Hoje foi complicado, o Nicky Hayden foi difícil de bater e julgo ter sido uma corrida bonita de se ver."

O esforço de Hayden para se manter na cola de Rossi foi um pouco ofuscado pelo desempenho do seu colega da Honda, Marco Melandri, que largou de oitavo na grelha para lutar pelo segundo lugar a meio da corrida. Na altura em que Hayden já havia conseguido libertar-se da pressão do italiano já era tarde demais para ir buscar Rossi, não obstante o americano realizar tempos idênticos ao líder da corrida nas voltas finais.

Um derradeiro esforço de Carlos Checa fez com que o homem da Ducati subisse ao pódio, numa corrida onde não teve a companhia do seu colega de equipa, Loris Capirossi. Checa acabaria por roubar o terceiro lugar a Melandri numa audaciosa ultrapassagem sobre a linha de meta. Com Capirossi a não participar na corrida de hoje e Max Biaggi a sofrer uma queda na volta inaugural, o quarto lugar de Melandri coloca-o em segundo lugar no campeonato, em igualdade pontual com Hayden, numa altura em que faltam disputar duas corridas.

Enquanto isso, Sete Gibernau relegava Colin Edwards para o sexto lugar ao lograr a ultrapassar a apenas quarto voltas do final, sendo que o americano conseguiu também ele passar para a frente de Capirossi e Biaggi na tabela classificativa, ocupando agora o quarto lugar, a oito pontos de Hayden e Melandri. Alex Barros está completamente for a da corrida pelo segundo lugar depois de sofrer uma queda na corrida de hoje a cinco voltas do final e com isso cair para oitavo no campeonato. Contudo, o seu colega de equipa nesta corrida, Chris Vermeulen, deverá estar satisfeito com o seu desempenho ao ter sido 11º na sua estreia em MotoGP e na sequência de uma interessante batalha em pista com John Hopkins.

Tags:
MotoGP, 2005, POLINI AUSTRALIAN GRAND PRIX, RAC

Outras actualizações que o podem interessar ›