Compra de bilhetes
VideoPass purchase

Denning fala da contratação de Vermeulen

Denning fala da contratação de Vermeulen

A Suzuki conseguiu um golpe de mestre ao garantir os serviços da mais recente sensação do MotoGP, Chris Vermeulen. O jovem australiano fez impressionante estreia em casa, no GP de Phillip Island, quando substituiu o lesionado Troy Bayliss numa Camel Honda RC211V e confirmou o seu potencial com mais uma prestação consistente na semana passada na Turquia.

Com contrato assinado por dois anos com o Team Suzuki MotoGP, o vice-Campeão do Mundial de SBK de 2005 vai alinhar com John Hopkins em 2006, formando uma das mais promissoras duplas da categoria rainha.

O Director Desportivo Paul Denning, que está prestes a celebrar um ano à frente da formação de fábrica da Suzuki, partilha o entusiasmo sobre o mais recente recruta da equipa e explica como o tem seguido desde que chegou ao panorama europeu.

A Suzuki está muito contente por ter garantido os serviços do Chris, disse Denning. Ele é uma das estrelas em ascensão no motociclismo e não tenho dúvidas que vai trazer nova vida ao Team Suzuki MotoGP. Já mostrou fome de sucesso e a sua capacidade de aprender muito rapidamente quando em novas situações.

Ele vai juntar-se à equipa depois de temporada muito bem sucedido no Mundial de Superbikes onde lutou sempre com o recém consagrado Campeão do Mundo Troy Corser, da Suzuki. Nem o Chris, nem a Suzuki têm ilusões quanto à tarefa que temos pela frente no MotoGP, mas estamos confiantes que o Chris é a escolha certa para o futuro. Estamos muito gratos ao Tem Kate Team por terem libertado o Chris do seu contrato tão cedo, isto vai permitir-lhe conhecer a equipa e rodar com a GSV-R em Valência.

Foi muito bom o Chris ter a oportunidade de correr em MotoGP neste final de temporada, mas o entusiasmo da Suzuki para assinar com ele já existia há muito. As boas prestações apresentadas nestas corridas serviram apenas para dar mais justificação a todo o entusiasmo.

Em termos pessoais, conheci o Chris pela primeira vez quando ele tinha 17 anos, tinha vindo para a Europa com o Barry Sheene. Estabeleceu-se muito rapidamente como um grande piloto em pista, mas também se apresentou de forma muito amigável. Tenho seguido os progressos da sua carreira e sei que agora é a altura certa para ele dar o salto para o MotoGP e mostrar o verdadeiro talento e potencial que possui.

O alinhamento de pilotos da Suzuki, com o John e o Chris, é jovem, agressivo, excitante e mostra fé no futuro. Temos todos muito trabalho pela frente agora vamos a isto!.

Tags:
MotoGP, 2005, Chris Vermeulen

Outras actualizações que o podem interessar ›